Especialista explica os 4 pilares para mulheres empreendedoras terem sucesso nos negócios

Captar recursos, fazer networking, liderar equipes e tocar um negócio sozinha são alguns dos desafios que acompanham mulheres empreendedoras e que, muitas vezes, são a causa da estagnação e falência de seus empreendimentos. Como contornar essas dificuldades, na prática?
 (Jovanmandic/Getty Images)
(Jovanmandic/Getty Images)
D
Da Redação

Publicado em 30/06/2022 às 09:39.

Última atualização em 30/06/2022 às 09:41.

Mesmo com escolaridade 16% superior à dos homens, 43% das mulheres desistem de empreender por não se sentirem preparadas e pelo medo de falhar. As que seguem empreendendo costumam trilhar uma jornada solitária. Segundo um levantamento da Nuvemshop, plataforma de e-commerce para pequenos lojistas, 65% das mulheres empreendedoras no online também são as únicas por trás do negócio.

Mesmo assim, o número de mulheres abrindo negócios no Brasil não para de crescer. Durante o período da pandemia, a participação de mulheres de 18 a 30 anos à frente de um negócio próprio subiu de 6% para 25%. Seja pelo desejo de maior flexibilidade de horários ou pelo sonho de empreender, milhões de mulheres estão encarando um contexto desafiador para garantir o sucesso de seus negócios.

Os desafios de empreender

No entanto, o caminho até lá pode ser muito tortuoso. Captar recursos, fazer networking, liderar, lidar com as falhas e precisar tocar um negócio sozinha são alguns dos desafios que acompanham mulheres empreendedoras e que, muitas vezes, são a causa da estagnação e falência de seus empreendimentos.

Aula Gratuita: como vencer os desafios de empreender e alcançar o sucesso no seu negócio, com Daniela Graicar. Clique e saiba mais.

Para a jornalista, CEO da PROS - Menos Public Mais People Relations e fundadora do movimento Aladas, Daniela Graicar, muito do que impede as mulheres de empreenderem mais são as suas crenças, "O ambiente empreendedor culturalmente e socialmente é masculino. Logo, a mulher já não se sente tão à vontade no ambiente, nas reuniões, e pensa que esse local não é para ela. E quanto mais mulheres pensam que isso não é para elas, menos esse ambiente fica acolhedor”.

Segundo Daniela, existem 4 pilares que, se bem desenvolvidos, podem colaborar para que mulheres empreendedoras tenham mais sucesso nos negócios. 

Explorando desde a parte operacional, até questões emocionais, confira quais são os 4 pilares e entenda como melhorar cada um deles:

1. Captar recursos

Por conta do medo de falhar e das inseguranças, muitas empreendedoras acreditam que o primeiro passo para construir um negócio de sucesso é buscar um sócio(a). Mas, para Daniela, existem muitas outras formas de obter recursos financeiros, sem precisar formalizar uma sociedade e diluir a sua participação nos negócios.

No entanto, antes de colocar os gastos na ponta do papel e começar a se preocupar com recursos, é importante que você descubra se a sua ideia de negócio é viável. Ou seja, você encontrou um problema claro a ser solucionado? O seu negócio tem objetivos e propósitos bem definidos? 

Com planejamento e gestão, encontrar apoio financeiro fica muito mais simples. Seja através de crowdfunding, financiamento ou fundos de venture capital, ter confiança no seu projeto e saber defender a sua ideia é essencial para a sua empresa dar os primeiros passos rumo ao sucesso.

2. Manter a vida pessoal cuidada 

Por trás de qualquer grande empreendedora sempre existirá uma pessoa comum, com vontades, sonhos e, principalmente, necessidades. Mesmo que você esteja feliz e satisfeita com a sua empresa e com as altas cargas de trabalho que ela exige, dar atenção para a vida pessoal é fundamental para que os negócios continuem dando certo.

Trabalhar incansavelmente, mas estar sempre cansada, sempre doente e esgotada emocionalmente não trará apenas consequências negativas para a sua vida pessoal e de sua família, como também impedirá que você tenha criatividade para novas ideias, energia para fazer networking e disposição para encarar com paciência os desafios que surgirem, diminuindo muito a sua produtividade.

Contas, incertezas, medo de falhar e exaustão. Entenda como superar todos esses desafios do empreendedorismo e decolar o seu negócio. Clique aqui.

3. Saber aceitar críticas

As críticas devem ser suas aliadas, no entanto, filtre bem as pessoas que decidirá escutar. Afinal, apesar de ouvir críticas ser uma forma de estar atenta a possíveis melhorias, muitas vezes isso pode ser desmotivador e paralisante. E por mais que você se dedique muito, as críticas sempre aparecerão - mas muitas delas levarão a sua empresa para frente. 

Por isso, pratique transformar as críticas em boas soluções, filtre as opiniões improdutivas, busque aconselhamento de pessoas nas quais você confia e comece a encarar as críticas como uma oportunidade de ser ainda melhor.

4. Aprender a delegar - e não de'largar'

Sem delegar funções, a empreendedora acaba virando refém do seu próprio trabalho, diminuindo - ou até mesmo extinguindo - o tempo disponível para atividades com a família ou com os amigos. Além disso, delegar é importante para que você perceba que existem pessoas capazes de fazer essas funções muito mais rápido e melhor do que você, economizando tempo e entregando um trabalho de qualidade para os seus clientes.

No entanto, delegar não é de’largar’. Uma boa liderança deve saber gerir e direcionar as pessoas da sua equipe a fim de definir quem é mais adequado para cada função.

Para Daniela Graicar, estar em contato com outras empreendedoras e histórias de sucesso é o que dá força para encarar todos esses desafios. “Sempre falamos: o que não conhecemos, não sonhamos. E o que não sonhamos, não realizamos. A partir do momento que começamos a ver mais histórias de sucesso de mulheres que empreenderam e continuaram a conseguir exercer os diversos papéis – mãe, esposa, amiga – passamos a sonhar mais com essas histórias, em protagonizar isso também”, comenta a empresária.

Masterclass Gratuita “A Rota da Empreendedora”

Com o objetivo de ajudar mulheres a vencerem os desafios do empreendedorismo e consolidarem os 5 pilares para o sucesso nos negócios, a EXAME promoverá uma Masterclass online e gratuita chamada “A Rota Empreendedora”. Nela, Daniela Graicar, jornalista, empreendedora e fundadora da agência PROS e do Movimento Aladas, vai explicar, de forma prática, quais as habilidades técnicas e socioemocionais necessárias para vencer os desafios de se ter um negócio.

A Masterclass ocorrerá dia 6 de julho, às 19h30 e, nela, você aprenderá na prática:

  • Como captar recursos financeiros, mesmo no início da jornada de empreendedora;
  • Como equilibrar vida profissional com a vida pessoal (e não ‘surtar);
  • Como usar as críticas ao seu favor para crescer ainda mais;
  • Como se manter resiliente, mesmo quando os negócios não vão bem;
  • Como gerir uma equipe e delegar tarefas;
  • Como negociar e cobrar pelo seu trabalho.

QUERO ASSISTIR À MASTERCLASS GRATUITA “A ROTA DA EMPREENDEDORA”