Cuidados com a saúde mental no trabalho híbrido

Entenda maneiras de identificar empresas que cuidam de seus colaboradores
Trabalho híbrido: o modelo trouxe benefícios para os colaboradores, mas exige cuidados com a saúde mental (PeopleImages/Getty Images)
Trabalho híbrido: o modelo trouxe benefícios para os colaboradores, mas exige cuidados com a saúde mental (PeopleImages/Getty Images)
Por Academia do UniversitárioPublicado em 10/05/2022 17:27 | Última atualização em 10/05/2022 17:27Tempo de Leitura: 2 min de leitura

85% das empresas pretente aplicar o modelo híbrido para suas equipes ainda este ano, de acordo com pesquisa realizada pela consultoria KPMG. Nestas, o modelo da quantidade de dias presenciais e online varia, mas o objetivo em comum é um só: o incentivo à flexibilidade no mercado profissional. Considerando a necessidade de adaptação em uma rotina híbrida, a saúde mental dos colaboradores mais uma vez entra em pauta e a necessidade da criação de um ambiente saudável para estes tende a tornar-se uma preocupação na rotina gerencial.

A fim de compreender quais são as solicitações dos times no mercado atual, a empresa de consultoria Mercer realizou um levantamento global com mais de 11 mil pessoas envolvidas em diferentes níveis no cenário empresarial. Como conclusões, foi percebido um aumento na necessidade dos profissionais de participarem de empresas transparentes, comprometidas com metas como diversidade e sustentabilidade.

Além disso, a maneira conforme trabalhadores buscam construir relações com suas empresas também está diferenciada. Estes, independente de se colocarem em vagas híbridas, presenciais ou 100% home office, querem trabalhar com organizações de destaque, não para elas. Uma conexão em forma de "parceria" colaborador-empresa ganha maior relevância do que as tradicionais formas de "controle" previamente associadas com estes espaços.

Apesar de 90% dos especialistas em RH entrevistados no levantamento conduzido pela Mercer registrarem que ainda enxergam um longo caminho a ser percorrido para que suas empresas se ajustem às solicitações dos funcionários, a equipe de forma geral se mostra otimista diante do futuro. 54% dos colaboradores acreditam que os next steps do mercado de trabalho envolverão mais equilíbrio, tempo para convívio em família, espaço para hobbies e muitas oportunidades de aprendizado e capacitação.

Para compreender a maneira de identificar empresas comprometidas com a saúde mental de seus colaboradores no regime híbrido e receber insights sobre o assunto, confira detalhes do tema no vídeo com Diego Cidade, CEO da Academia do Universitário, na coluna "A Nova Geração do RH".