Como empresas de tecnologia para gestão de pessoas aproveitaram o "boom" do home office

Com pandemia, pontos como recrutamento e o acompanhamento dos funcionários foram feitos à distância; empresas que atuam nesse setor reagiram rapidamente à demanda

Os desafios que a pandemia trouxe foram muitos -- especialmente para as empresas. Em meio à adaptação rápida ao home office, empresas de diferentes portes e segmentos aumentaram a busca por tecnologia para a gestão de pessoas. Com isso, aquelas dedicadas a esse ramo conseguiram obter bons resultados. É o caso da Ahgora Sistemas, empresa de tecnologia para gestão de pessoas, que apresentou crescimento de 35% em faturamento em 2020 -- e planeja dobrar esse percentual em 2021.

O que os empreendedores de sucesso têm em comum? Inovação será a chave de 2021. Fique por dentro em nosso curso exclusivo

Este ano, a companhia consolidou sua atuação no mercado brasileiro, com a gestão de mais de um milhão de colaboradores em sua base (aumento de 30% em relação ao ano passado) . Os cuidados durante a pandemia trouxeram aumento de 100% na geração de caixa da companhia, o que também se transformou na expansão do quadro de funcionários da companhia: aumentou em 25%.

“Uma das grandes verdades que foram reveladas pela pandemia é a necessidade das empresas e do setor de gestão de pessoas se tornarem mais humanos, sem perder o senso de inovação. Tivemos a oportunidade de olhar dentro das casas dos colaboradores e entender melhor os desafios e situações únicas que eles enfrentam. Com base nessas experiências, aprendemos que precisamos oferecer um tipo diferente de jornada aos nossos clientes”, afirma Gustavo Godoy, CFO na Ahgora Sistemas, à EXAME.

Essa oferta deve impulsionar o crescimento da companhia também em 2021. Mesmo com um salto expressivo neste ano, a companhia estima crescimento de 70% em faturamento e de 30% na base de clientes já no próximo ano. As estimativas estão apoiadas principalmente na continuação do trabalho remoto -- ou em modelos híbridos, para além das fronteiras nacionais. "A Ahgora quer aumentar as vendas até mesmo fora do Brasil. Já estamos em contato com parceiros para expandir na América Latina, começando por México e Colômbia", explica Godoy.

Novos apps para uma nova rotina

A companhia não está sozinha. A Qulture Rocks, startup de tecnologia para RH, também apostou na tecnologia para auxiliar a gestão de equipes e viu uma adesão rápida à novidade: mais de 20 mil pessoas utilizaram o aplicativo logo após o lançamento, e oito em cada vez profissionais já estavam fidelizados com pouquíssimo tempo de uso. “A gente sempre fez softwares para o RH. E percebemos que muito do que o RH faz é ajudar líderes a ser melhores. Alternativamente, se a gente consegue fazer com que os líderes sejam melhores, ajudamos o RH”, explica Francisco Homem de Mello, presidente da startup.

A Revelo, empresa de tecnologia para a área de Recursos Humanos, também lançou uma ferramenta que fez sucesso neste ano: o novo aplicativo facilita o contato de empresas com candidatos a vagas, o que trouxe sucesso para quem buscava um emprego. De acordo com a empresa, aqueles que marcaram entrevistas de emprego pelo app tiveram um índice de aprovação 20% maior.

Em meio às expectativas sobre a chegada da vacina e seus efeitos no ambiente de trabalho, uma coisa é certa: a digitalização veio para ficar. Na visão de Renato Bolzan, CEO da Invillia, mesmo a chegada de uma vacina não vai fazer com que as pessoas e empresas voltem a trabalhar como antes. Tudo deve ser pensado considerando a nova realidade e modelos híbridos de trabalho -- um novo cenário que deve favorecer, ainda mais, a adoção de tecnologia aliada às pessoas.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 1,90

Nos três primeiros meses,
após este período: R$ 15,90

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.
Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.