3 lições para encontrar carreira dos sonhos – de forma simples e garantida

Aulas gratuitas da Future Dojo com Tais Targa revelam como você pode alinhar carreira, felicidade e propósito para alcançar o sucesso profissional
A maioria de nós termina o ensino médio ainda sem saber qual carreira deseja seguir (Crispin la valiente/Getty Images)
A maioria de nós termina o ensino médio ainda sem saber qual carreira deseja seguir (Crispin la valiente/Getty Images)
Por Future DojoPublicado em 01/04/2022 15:54 | Última atualização em 01/04/2022 17:07Tempo de Leitura: 4 min de leitura

Como descobrir pelo que você é apaixonado? A maioria de nós termina o ensino médio ainda sem saber qual carreira deseja seguir. Então decidimos uma área para seguir na faculdade e talvez ficamos nela por toda a vida. Quando decidimos mudar, também não temos muita certeza do que queremos e acabamos caindo na “síndrome do objeto dourado”, que é quando as oportunidades que aparecem sempre parecem melhores do que a carreira que você está. Então, como você encontra o emprego dos seus sonhos quando não sabe o que fazer?

No dia 28/3, a Future Dojo lançou em colaboração com Tais Targa (psicóloga e expert em recolocação de carreira), uma série de quatro aulas gratuitas que fala exatamente sobre isso. Em quatro aulas, Tais passa algumas lições e métodos para ajudar aqueles que se sentem insatisfeitos, presos ou perdidos em sua carreira, a encontrar o trabalho dos sonhos. Ou seja, conseguir alinhar seus interesses, com propósito e carreira. 

Quer a ajuda de Tais Targa e três outros profissionais de design recolocação de carreira, para atingir a carreira de seus sonhos (e propósito)? Clique no link para saber como: Saiba Mais

E para você que não conseguiu acompanhar, nós juntamos algumas das principais lições passadas por Tais durante a série gratuita:

Não compare seus bastidores com o palco dos outros

Tais começa uma de suas primeiras lições com a seguinte frase: “Levei 20 anos para fazer sucesso da noite para o dia”. Hoje entramos em nossas redes sociais, e vemos todo mundo feliz e ganhando rios de dinheiro. Então você se compara e cria algo que a profissional chama de “Síndrome de inferioridade”. Quando olhamos apenas para o lado positivo da vida dos outros, temos uma tendência a prestar mais atenção em pontos que consideramos negativos em nós mesmos.

A psicóloga conta que de vez em quando ela está se sentindo péssima e quando entra em live, todos elogiam sua pele, seu humor, carisma… esse é o bastidor dela e por isso ela diz: Pare de se comparar com os outros (pessoal e profissionalmente).

Todo processo de descoberta começa com autoconhecimento

Não tem como progredir (pelo menos não para o “lado certo”), se você não se conhece. Então se faça a seguinte pergunta: Qual é a sua régua de sucesso? A maioria das vezes você vai perceber que sucesso para você não é o mesmo que para os outros ao seu redor, mas que várias de suas ações são baseadas na régua dos outros.

Tais conta a história de André, que passou em um concurso público e não queria ocupar aquele cargo para o qual passou. Mas seu pai e sua mãe eram concursados, ou seja, para eles essa era a régua de sucesso. Então eles fizeram uma festa e André não teve nem coragem de contar para a família que não queria aquilo para sua vida. Sua régua de sucesso era outra. Mas através do autoconhecimento, ele descobriu e arrumou coragem para contar aos pais o que realmente queria fazer: começar a viver do seu hobby.

Quer ter a ajuda de Tais Targa e três outros profissionais de design recolocação de carreira, para atingir a carreira de seus sonhos (e propósito)? Clique no link para saber como: Saiba Mais

A mudança começa na sua percepção

Steve Jobs tem uma frase que diz: “É impossível conectar os pontos olhando para o futuro, você só consegue conectá-los olhando para o passado”. Quando você está em uma fase ruim, pode parecer que o mundo é injusto com você e que você não merece passar por tanta coisa. Mas, quando você sai, você percebe o quanto aquilo te fez crescer.

Tais conta que tinha insônia. Ela não conseguia dormir direito e não sabia mais o que fazer. Mas hoje, ela olha pra essa época com gratidão. Porque essas madrugadas acordadas se tornaram a época mais produtiva de sua vida. Portanto, seja grato ao que você tem e também a tudo o que te trouxe até aqui. O que acaba com você, não é não estar vivendo a carreira dos sonhos, é passar 1 dia sem perceber que você está aos poucos conquistando a vida que você quer pra si mesmo.

Então faça as seguintes perguntas pra si mesmo:

O que desejo para o meu futuro profissional?

Quais são os próximos passos para isso?

Quem são os seus mentores (qual o perfil deles, área de estudos, competências etc.)?

Quem são as pessoas do seu ciclo pessoal, que podem te auxiliar nessa jornada? (se você for em grupo você vai longe mais rápido).

Se você quiser aprender a parte prática (e comprovada) para alinhar sucesso, com autoconhecimento e propósito… A Future Dojo juntou Tais Targa e outros três profissionais: Luiz Gaziri (palestrante TEDx), Alexandre Pellaes (palestrante TEDx) e Augusto Júnior (executivo no grupo Anga), para te ensinar na prática a encontrar a carreira de seus sonhos. Ficou interessado? Clique aqui e confira