3 lições de carreira com a Mônica, diretora da Mauricio de Sousa Produções

"Eu sempre gostei de brigar", brinca a diretora executiva no podcast Como Cheguei Aqui

Você já conhece a Mônica dos quadrinhos, a personagem mais famosa do Mauricio de Sousa, mas e a Mônica executiva?

A Mônica Sousa começou a trabalhar na loja da empresa e agora é diretora executiva da Mauricio de Sousa Produções. No novo episódio do Como Cheguei Aqui, o podcast de carreira da Exame, ela compartilha como foi essa jornada.

“Meu sonho era trabalhar fora, ter independência financeira. Eu queria não precisar pedir dinheiro para ninguém. Meu pai não deixou a gente trabalhar antes dos 18 anos, até por que ele precisou trabalhar cedo e isso atrapalhou os estudos dele. E ele não queria isso para as filhas. Eu fui trabalhar na loja da Mônica, foi meu primeiro emprego”, conta ela.

Durante a conversa, a diretora executiva passou conhecimentos valiosos que aprendeu na carreira. Confira:

1. Encontre sua paixão e aprenda com seus clientes:

“[Na Loja] comecei a perceber o mundo da Mauricio de Sousa e a força que ele tinha. De alguma maneira, a conversar com os fãs e consumidores. Não eram todos que sabiam que eu era a filha do Mauricio. E comecei a me encantar com a área comercial, que não conhecia. Também com a informação que recebia dos nossos consumidores. E isso serviu de base até hoje. De alguma maneira, eu escuto até hoje meus fãs, os fãs da Mauricio de Sousa, os nossos fabricantes. E procuro sempre entender o lado deles e me colocar em seus lugares”.

2. Sobre as dificuldades (e aprendizados) quando começou na empresa

“Foi um início difícil, por que eu era filha do Mauricio de Sousa. Então eu entrei e todo mundo fez cara feia pra mim, me deram os piores contratos para tomar conta. Mas foi importante também, acho que tudo é importante. As coisas difíceis nos fazem crescer. E também a lidar com as diferenças e com as dificuldades. E passar por cima delas. Porque isso não mata a gente. E o que não mata fortalece”.

3. Como conquistar seu lugar

“Nunca fui falar com meu pai. Nunca fui me queixar com ele. Acho que se eu fizesse isso iam me odiar mais ainda. Eu queria conquistar a confiança deles todos. Tinha um chefe que cuidava dos gerentes, e cuida até hoje da parte administrativa. E ele foi a pessoa mais difícil comigo. E hoje é meu melhor amigo, mas tive que convencê-lo que ele poderia confiar em mim”.

Confira muito mais histórias (e alguns spoilers!) no episódio completo:

Como cheguei aqui

Os podcasts de carreira da Exame estreiaram neste mês com grandes nomes. Para o piloto, o presidente do Google no Brasil, Fabio Coelho, contou seus aprendizados sobre se manter relevante como profissional. Depois, Geraldo Rufino, presidente da JR Diesel, falou sobre sua ideia de sucesso --- mesmo em tempos difíceis.

“Os tempos não são difíceis, eles são diferentes. A minha essência nasceu brilhando, eu já era feliz, eu já tinha tudo que o que queria ter: a vida. E para preservar a vida você só precisa de mais um dia”, fala ele. “Para mim, o sucesso é permanente”.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também