A página inicial está de cara nova Experimentar close button

Modelo Enterprise Gateway Marketplace pode mudar mercado de comunicação

Plataforma EGM atua como hub para que empresas façam curadoria de novos fornecedores e serviços de forma rápida e flexível

Apesar da sigla EGM (Enterprise Gateway Marketplace) ser nova, essa revolução dentro dos marketplaces tem sido apontada por especialistas como uma das principais tendências nas multinacionais e a próxima revolução dentro de modelos de negócio. O objetivo dessas soluções é gerar condições menos burocráticas e estabelecer pontes entre empresas e fornecedores através de um único canal de maneira ágil, fácil e de acordo com as suas necessidades, trazendo dinamismo e flexibilidade às relações comerciais. Além disso, o modelo EGM pode auxiliar em questões  jurídicas, tributárias e financeiras.

De acordo com o Anuário da Comunicação Corporativa 2020, o mercado brasileiro de agências de propaganda e marketing corporativo superou a marca de R$ 3 bilhões em 2019. De 2020 para cá, com as mudanças do comportamento do cliente, acentuadas pela pandemia de covid-19, o cenário das martechs — e como as enterprises se relacionam com elas — não se tornou apenas mais dinâmico, mas uma peça-chave para que as corporações se mantenham competitivas.

Um recente estudo da Flow Executive Finders aponta que para os CMOs no Brasil, a transformação digital é o mais importante direcionador estratégico das empresas, sendo apontado por 22% dos entrevistados.

Segundo Daniel Prianti, cofundador da Bpool, pioneira em EGM para o segmento de comunicação, o setor só tem a se beneficiar com essa tendência de mercado.

“Mais do que nunca, agilidade tem sido fundamental para as campanhas de publicidade das marcas. Comunicação de excelência com o consumidor é o maior diferencial das grandes companhias hoje. A plataforma da BPool faz com que a escolha do parceiro ideal para traduzir a mensagem da marca se torne um processo simples e rápido. Além disso, o modelo EGM permite a centralização de processos desde o planejamento da campanha até o pagamento dos fornecedores, gerando economia de tempo, custo e recursos para todas as partes envolvidas”, declara.

Pioneirismo

Pioneira nesse modelo para o segmento de comunicação, a BPool atua como gateway único para que grandes empresas possam acessar esse ecossistema alternativo de forma padronizada e segura, através de um algoritmo de curadoria e matching, para que empresas de marketing possam de maneira rápida e flexível, fazer a curadoria de novos fornecedores e serviços. Através de um workflow simples e centralização da homologação, contrato e pagamentos na entidade legal única da plataforma.

A BPool nasceu no Brasil em 2019 e hoje atua em dez países da América Latina conectada a um ecossistema de mais de mil parceiros e atendendo a mais de 100 clientes, entre eles grandes corporações como Unilever, Reckitt, Kimberly Clark, Stone, Kellogs, Ambev, Nestlé e Mercado Livre. A companhia recebeu aporte de R$ 5 milhões da Chromo Invest em um seed round e cresceu 16 vezes no último ano.

“A plataforma dá acesso aos grandes clientes a um novo ecossistema fragmentado de comunicação, resolvendo os principais desafios de curadoria, precificação, homologação, contratos, workflow e compliance dos clientes. Do lado dos parceiros de comunicação funciona como um canal de novos negócios e retira a fricção da parte burocrática e de negociação para que possam focar no que fazem de melhor”, afirma o cofundador.

Para as áreas de procurement, a plataforma é um meio de proporcionar economia e ganhar eficiência ao mesmo tempo em que aumenta o controle, a inteligência de dados nos investimentos de marketing e o compliance. O ecossistema alternativo de pequenas empresas, por sua vez, passa a ter um canal para vender para grandes corporações e expandir seus negócios.

“Através do workflow da plataforma os clientes aceleram muito a velocidade de setup dos seus projetos, uma vez que a plataforma já está parametrizada com todos os acordos feitos com procurement, possui dezenas de escopos pré-definidos e um algoritmo de matching preciso para conectar cada projeto ao parceiro especialista naquela disciplina e mercado. A transformação digital dos processos de contratação e gestão de serviços de marketing pode trazer ganhos exponenciais em inovação, criatividade e eficiência”, declara o cofundador Beto Sirotsky.

Siga a Bússola nas redes: Instagram | LinkedinTwitter | Facebook | Youtube

Veja também

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também