Bússola

Um conteúdo Bússola

Mães de gamers invadem lives para falar de probióticos em ação da Sanofi

Ativação “Ready Player Mom” de Enterogermina e MRM Espanha criou avatares personalizados para as mães fazerem essa surpresa

Youtubers foram surpreendidos pela presença das mães (./Divulgação)

Youtubers foram surpreendidos pela presença das mães (./Divulgação)

Bússola
Bússola

Plataforma de conteúdo

Publicado em 29 de março de 2023 às 13h00.

Última atualização em 29 de março de 2023 às 14h45.

Enterogermina, de Consumer Healthcare na Sanofi, e a marca líder mundial do mercado de probióticos, encontrou um jeito inteligente e divertido de ajudar os pais a ensinar seus filhos sobre a importância da saúde intestinal. As mães dos principais gamers do Brasil ganharam avatares hiperrealistas e invadiram os jogos de seus filhos famosos, surpreendendo-os durante suas lives. A campanha “Ready Player Mom” tem como objetivo chamar a atenção para os perigos da “típica dieta dos gamers”.

Com a ajuda da Druide Gaming, a ação recrutou as mães de influenciadores como o “Forbes 30 Under 30” Nobru (que tem 30 milhões de seguidores), Flakes Power, Skorpion, e Lipão, todos pegos de surpresa ao ver suas mães dentro do gameplay com avatares idênticos a elas. As mães interagiram com seus filhos na frente de centenas de milhares de seguidores em plataformas de livestream como Twitch, YouTube e TikTok.

“Nosso produto está no mercado há meio século e parte deste sucesso vem não só de sua qualidade mas também das formas inovadoras – e cientificamente comprovadas – em que a marca se relaciona com a sociedade, sendo sempre um aliado quando o assunto é cuidados de saúde. Estamos usando todo o potencial do mundo virtual, para melhorar a saúde e promover o autocuidado para as pessoas hoje e para as futuras gerações”, afirma Marília Zanoli, diretora de marketing de Consumer Healthcare na Sanofi Brasil.

Para garantir uma integração perfeita ao universo virtual e surpreender ainda mais seus filhos, as mães foram treinadas em algumas das maiores plataformas de jogos como Minecraft, Fortnite, Complexo, Sims 4, Roblox e Zepeto. Como um dos mais importantes mercados de games do mundo, com cerca de 90 milhões de jogadores, o Brasil foi uma escolha lógica da MRM Espanha, agência global líder para Enterogermina, para ser o pontapé inicial da comunicação e aumentar o awareness de marca entre a comunidade gamer, além de ensinar sobre hábitos de alimentação saudável e saúde digestiva em geral.

“O Brasil é um mercado-chave para nós, e estamos entusiasmados de lançar esta campanha aqui, como uma maneira de representar nossos compromissos e novos públicos, incentivando hábitos saudáveis por meio de todos os pontos de contato com o consumidor,” afirma Lipi Banerjee, líder global subcategoria de probióticos em Consumer Healthcare na Sanofi.

“Esta ativação de gaming e social é a prova de que healthcare marketing é um mundo cheio de oportunidades incríveis. Com “Ready Player Mom,” as mães tiveram a oportunidade de encontrar seus filhos onde eles mais estão, no mundo virtual dos games, e criar um espaço onde a marca Enterogermina pode construir uma relação cheia de propósito com uma nova geração inteira,” diz Félix del Valle, Chief Creative Officer da MRM Espanha.

Graças ao elemento surpresa, as mães encontraram uma maneira efetiva de atingir o público jovem gamer e ressaltar a importância dos probióticos diários.

Siga a Bússola nas redes: Instagram | Linkedin | Twitter | Facebook | Youtube

Veja também

Projeto do Alicerce Educação desenvolve a base educacional de 60 mulheres

Já é hora de iniciar a cultura do reaproveitamento nas escolas

6 mitos e verdades sobre o impacto do ChatGPT no ensino

Acompanhe tudo sobre:GamesTikTokYouTubeRedes sociaisdicas-de-marketing-de-pmeInfluenciadores

Mais de Bússola

Bússola Poder: o tribunal eleitoral do capitão

Open Finance é confiável? Cresce 33% número de brasileiros que aceitam compartilhar dados bancários

Saiba qual é o gasto de energia da geladeira mais econômica do mercado que acaba de ser lançada

Saiba em quais cidades é melhor contar com um carro alugado

Mais na Exame