Bússola

Um conteúdo Bússola

IMC cresce pelo nono trimestre consecutivo e vendas totais chegam a R$ 822,9 milhões

Consistência na estratégia e disciplina na execução contribuem para crescimento de 2,7% em relação ao mesmo período de 2022

A IMC cresceu em 2,7% no segundo trimestre de 2023 (IMC/Divulgação)

A IMC cresceu em 2,7% no segundo trimestre de 2023 (IMC/Divulgação)

Bússola
Bússola

Plataforma de conteúdo

Publicado em 15 de agosto de 2023 às 11h00.

A International Meal Company (B3: MEAL3 – IMC), que opera marcas como KFC, Pizza Hut e Frango Assado, registrou mais um período de crescimento ininterrupto em sua performance, atingindo a marca de nove trimestres consecutivos de melhoria de resultados. Com receita líquida de R$ 605,8 milhões no segundo trimestre deste ano, a IMC cresceu 2,7% em relação ao mesmo período de 2022. Seguindo este mesmo comparativo, o EBITDA Ajustado foi de R$ 88,7 milhões, crescimento de 20,8%, e margem de 14,6%. As Vendas Totais do Sistema registraram aumento de 4,4% e somaram R$ 822,9 milhões.

No segundo trimestre de 2023, a IMC registrou lucro líquido de R$ 35,1 milhões, revertendo prejuízo de R$ 4,8 milhões do segundo trimestre de 2022. O resultado foi impulsionado pela maior eficiência operacional no Brasil, com investimentos em inovação, transformação digital, gestão de custos e sinergias, obtidas com o centro de serviços compartilhados e a Cozinha Central, e pela otimização fiscal em imposto de renda e contribuição social da companhia.

Avanço nas metas e planejamento estratégico

O crescimento em mais um trimestre é resultado das metas da empresa, que almeja se tornar a melhor plataforma de serviços de alimentação do Brasil. Ele também reflete a consistência da estratégia e a disciplina na execução, fundamentais para a trajetória progressiva da IMC.

Nos últimos 12 meses, a IMC manteve um ritmo de expansão sustentável e diretamente ligado à performance operacional e financeira da companhia. Com a adição de 18 unidades líquidas, a empresa totalizou 557 lojas no sistema, entre próprias e franquias, localizadas em Brasil, Colômbia e EUA.

As vendas digitais aumentaram 34% e representam 36% da receita das operações de KFC e Pizza Hut, com destaque para o lançamento do aplicativo proprietário da Pizza Hut, e a penetração dos totens de autoatendimento chegou a 26% das vendas nas lojas habilitadas do KFC.

No Frango Assado, o número de cadastros do Fran-GO!, programa de fidelidade da marca, superou 150 mil clientes, com aumento de 24% na taxa de download e representatividade de 4,8% nas vendas da rede. Além do plano de reforma nas principais lojas, a IMC também concluiu a instalação de totens de autoatendimento e self-checkout em 100% das lojas de Frango Assado, agilizando a jornada e a experiência do cliente, além de contribuir para uma trajetória consistente de crescimento, rentabilidade e eficiência operacional.

A IMC encerrou o trimestre deste ano com dívida líquida de R$ 336,0 milhões. O índice de alavancagem financeira ficou em 2X (dívida líquida / EBITDA) abaixo dos Covenants exigidos (3X), e segue buscando a otimização de sua estrutura de capital por meio de alongamentos de prazos e redução do custo da dívida.

Segundo Alexandre Santoro, CEO da IMC, “A melhoria dos nossos resultados pelo nono trimestre consecutivo é a consequência da estratégia que definimos há dois anos, e que seguimos implementando com disciplina. Estamos contentes com a evolução da companhia até aqui e seguiremos focados no sonho de ser a melhor plataforma de serviços de alimentação do Brasil”.

Siga a Bússola nas redes: Instagram | Linkedin | Twitter | Facebook | Youtube

Veja também

LaLiga investe quase € 2 bilhões no desenvolvimento de clubes

Seguradora com acionamento via app tem 97% de satisfação no atendimento

Jean Carlo Klaumann: “Enquanto ninguém comprou, ninguém vendeu”

Acompanhe tudo sobre:IMCAlimentosRestaurantesFranquiasKFC

Mais de Bússola

Bússola & Cia: casas de plástico são construídas por Airbnb, ONG e Fuplastic

Metade dos investidores compra criptomoedas com foco no longo prazo, mostra pesquisa da Binance

Gestão Sustentável: sigla ESG pode ficar no passado, mas tese continua a pautar o futuro

Quer investir em startups? Confira essas 5 dicas para encontrar o segmento certo para você

Mais na Exame