Um conteúdo Bússola

FDC prepara alunos da rede pública de Minas para formar líderes do futuro

Jovens do ensino médio, universitários e pós-graduandos participam de iniciativas sociais com foco em ampliar visão de mundo
Universitários e pós-graduandos também têm oportunidade de ampliar visão de mundo com FDC (Germano Luders/Exame)
Universitários e pós-graduandos também têm oportunidade de ampliar visão de mundo com FDC (Germano Luders/Exame)
Por BússolaPublicado em 28/09/2021 13:34 | Última atualização em 28/09/2021 15:03Tempo de Leitura: 3 min de leitura

Neste mês de setembro, jovens do ensino médio da rede pública de Sete Lagoas, na região metropolitana de Belo Horizonte, estão completando seus estudos com um conteúdo preparado pela Fundação Dom Cabral (FDC), a nona melhor escola de negócios do mundo, de acordo com o jornal inglês Financial Times. Temas como filosofia, brasilidade, língua portuguesa, felicidade, relacionamentos, sustentabilidade, tecnologia, finanças e empreendedorismo contribuirão para ampliar a visão de mundo destes estudantes, por meio do Programa Raízes.

O programa de aulas conta com nove módulos, totalizando 96 horas de preparação e acompanhamento. Todas as aulas são realizadas ao vivo, de maneira virtual, com interação direta com os professores FDC. Os jovens terão ainda acompanhamento psicológico e, ao final do programa, todos receberão uma mentoria conduzida em parceria com a Rede Alumni da FDC. A iniciativa em Sete Lagoas conta com o patrocínio da CNH Industrial.

“Nós acreditamos no poder de transformação da sociedade por meio da educação, de forma estruturada e ética, e no empoderamento dos jovens. O programa Raízes proporciona um rico intercâmbio cultural de experiências e uma oportunidade única de aprendizado e interatividade para ambas as partes, além de expandir as possibilidades para os jovens na medida em que os coloca como protagonistas das histórias de suas vidas”, declara Nádia Rampi, líder do FDC-Centro Social Cardeal Dom Serafim.

Habilidades para liderar

Estudantes universitários e pós-graduandos de diferentes áreas de formação como saúde, tecnologia, exatas e gestão têm a possibilidade de desenvolver suas habilidades de liderança, também com o apoio da FDC, por meio do Programa Student Experiences. Desenvolvido em parceria com a ONG britânica Common Purpose, o objetivo é inspirar futuros líderes a desenvolverem uma inteligência cultural, para que sejam capazes de lidar com os desafios contemporâneos que emergem além das fronteiras geográficas e de conhecimento.

A metodologia do programa tem nas cidades o seu principal foco de aprendizagem. Por esse motivo, ele contempla, além de atividades com professores, painéis com lideranças e visitas virtuais a instituições, debates com temáticas sobre inovação, empreendedorismo social, como as cidades trabalham, as comunidades prosperam e os líderes atuam.

“Essa diversidade de cursos e áreas de formação vai promover uma discussão ainda mais promissora com os professores da FDC, painelistas e debatedores. Este ano, a demanda superou o número de vagas disponíveis. Isso revela o interesse, aceitação e a importância que o Student Experiences, que também é realizado em várias universidades na Europa, Ásia e Américas, já alcançou no Brasil”, afirma Nadia Rampi.

Siga a Bússola nas redes: Instagram | LinkedInTwitter | Facebook | Youtube

 

 

Veja Também

Exemplos de cima
Revista Exame
Há um dia • 5 min de leitura

Exemplos de cima