Um conteúdo Bússola

Confira 3 dicas para engajar time e escolher a melhor ferramenta de gestão

Automatizar a área de recursos humanos não significa que ela torna menor humanizada
Aumentar salário e benefícios não é a única chave para a satisfação (monkeybusinessimages/Getty Images)
Aumentar salário e benefícios não é a única chave para a satisfação (monkeybusinessimages/Getty Images)
B
BússolaPublicado em 10/06/2022 às 12:40.

Quer saber como eliminar a rotina cheia de processos e burocracias, que atrapalham o engajamento e o contato de qualidade entre os times e ainda encontrar soluções tecnológicas para garantir um relacionamento humanizado e adaptável para cada perfil de pessoa>

A Bússola pediu para a Matchbox, HRTech especializada em soluções de marca empregadora, e a Feedz, plataforma de engajamento de colaboradores, dicas de ferramentas de employee experience que podem contribuir tanto para a gestão do RH como para manter o brilho nos olhos de quem já faz parte da corporação.

Confira mais informação no e-book preparado pelas duas companhias.

1 - A arte de encantar

Aumentar o salário e os benefícios não é a chave para a satisfação profissional como algumas pessoas pensam. É preciso garantir boas experiências no dia a dia. Esse é o caso do  Employee Experience, conceito que representa as experiências que o colaborador tem com a empresa, do onboarding ao offboarding.

Há muitos fatores envolvidos nesse processo, como: sentimento de pertencimento; valores em comum com a organização; bom relacionamento com a equipe; ambiente acolhedor; estímulo ao bem-estar emocional e físico.

“O colaborador precisa sentir e visualizar que é importante para a empresa, ele não pode achar que pode ser substituído por qualquer outro currículo. É necessário investir na felicidade do ambiente e mostrar, com ações, que realmente a organização se importa”, diz Bruno Soares, CEO da Feedz.

2 - Tecnologia para humanização

O uso de tecnologia na área de recursos humanos, especialmente para automação de processos e no atendimento de pessoas, gera, por vezes, a dúvida de se é possível humanizar as relações substituindo o esforço dedicado de uma pessoa por ferramentas. A verdade é que sim, isso é possível. Tanto que hoje muitas empresas já incluíram o uso de automações desde o processo seletivo, até o atendimento de pessoas colaboradoras. As automações contribuem para a criação de jornadas de comunicação adequadas para cada perfil de pessoa, trazem mais agilidade e possibilitam o RH escolar seus processos, entre outras melhorias que colocam a pessoa colaboradora no centro do processo.

3- A melhor ferramenta

Um RH atualizado é aquele que conhece as tendências e entende como aplicar isso na sua realidade, com foco em resultados. Para isso, é preciso sair fora da caixa. Todas empresas e times enfrentam seus próprios desafios e metas a serem alcançadas diariamente. E hoje, com o andamento do mercado focado cada vez mais em novas tecnologias para auxiliar em tarefas que são consideradas extremamente manuais e burocráticas, se torna possível que a liderança tome apenas uma grande decisão. Algumas ferramentas que podem ajudar sua empresa a criar uma boa experiência são chatbot, eNPS, ouvidoria, pesquisa de clima e automação de e-mail.

Siga a Bússola nas redes: Instagram | Linkedin | Twitter | Facebook | Youtube

Veja também Recrute talentos como em um casamento, até que a próxima seleção os separe

Gestão: assessments ganham força dentro das empresas

CMIO? Quem é o novo profissional que vai liderar tecnologia nos hospitais