Um conteúdo Bússola

Biogénesis Bagó vai fabricar vacina contra febre aftosa na Arábia Saudita

A acordo da empresa argentina com a saudita MAS Company pretende transformar a Arábia no primeiro país árabe livre da doença
Investimento deve chegar a US$ 60 milhões. (Pilar Olivares/Reuters)
Investimento deve chegar a US$ 60 milhões. (Pilar Olivares/Reuters)
B
BússolaPublicado em 02/07/2021 às 08:00.

Por Bússola

A Biogénesis Bagó, empresa internacional de biotecnologia especializada em desenvolvimento, produção e comercialização de produtos para saúde animal, assinou acordo com a MAS Company, líder em serviços veterinários no mercado saudita, para a construção de uma fábrica de vacinas contra a febre aftosa na Arábia Saudita.

O objetivo é fortalecer a segurança alimentar e tornar a Arábia Saudita o primeiro país árabe livre da febre aftosa.

O desenvolvimento da planta industrial, que deve ser a mais moderna unidade de fabricação de vacinas contra aftosa na região, envolverá investimentos de até US$ 60 milhões e deve gerar mais de 400 oportunidades de empregos altamente qualificados no país. A fábrica terá capacidade para abastecer o mercado local e do Oriente Médio.

Segundo o CEO da MAS, Nawaf Al Ibrahim, o projeto está alinhado com a Visão 2030 do Reino da Arábia Saudita, um programa de reformas por meio do qual o país busca ser autossuficiente e sustentável em segurança alimentar.

“Ter sido selecionado para realizar esse projeto é mais um reconhecimento de nossa capacidade e liderança em vacinas contra a febre aftosa. Nossos acionistas são a chave para aumentar nosso compromisso de investir em capital humano, inovação e desenvolvimento industrial”, diz Esteban Turic, CEO da Biogénesis Bagó.

Siga a Bússola nas redes: Instagram | LinkedInTwitter | Facebook | Youtube