Um conteúdo Bússola

5G vai transformar toda a cadeia na indústria de games

Em entrevista, CEO da Level Up fala sobre como a tecnologia transforma a experiência dos gamers, o desenvolvimento dos jogos e a distribuição
Glaucio Marques: 5G vai tornar Brasil referência mundial em games (Divulgação/Divulgação)
Glaucio Marques: 5G vai tornar Brasil referência mundial em games (Divulgação/Divulgação)
B
BússolaPublicado em 14/09/2022 às 20:30.

A experiência dos gamers vai ser transformada com a chegada do 5G. Mas o impacto da nova tecnologia vai ser sentida em toda a cadeia da indústria de games. Essa é a percepção de Gláucio Marques, CEO da Level Up, empresa líder na distribuição e publicação de games mobiles. "O mercado ainda é incipiente, mas a experiência do consumidor de games vai ser totalmente transformada", diz.

A quinta geração de internet móvel oferece baixa latência, ou seja, tempo de resposta muito reduzido, e altíssima velocidade. Com isso, os jogadores vão poder fazer downloads mais eficientes, com atualizações programadas de forma contínua. "Isso mexe com a experiência do jogador, pois o jogo não trava. Você consegue efetuar um comando, e ele se dá de forma mais rápida. O jogo fica mais fluido. Alguns milissegundos geram uma experiência não tão boa para o jogador. Com o 5G, o jogador tem mais prazer ao jogar, e consequentemente mais pessoas vão querer jogar juntos e a base de jogadores vai crescer também."

Essa democratização do acesso, com mais gente jogando, também deve impulsionar a indústria de desenvolvimento de jogos, especialmente o setor de cloud gaming, ou jogos em nuvem, que permitem enorme interatividade, com vários jogadores interagindo ao mesmo tempo, de vários lugares do mundo.

"O jogo fica na nuvem e você joga onde estiver, no trem, no metrô, na escola ou em casa e em qualquer tipo de tela. Seu device, seja um celular, seja um computador, vai servir apenas para processar as imagens.

você leva o jogo pra onde você for", diz Marques.

Ele acredita que com a portabilidade, um mercado que já é bilionário vai se aquecer ainda mais. Como consequência, o Brasil, que já se posiciona como um dos grandes mercados mundiais em games, vai se fortalecer ainda mais. "O Brasil deve crescer, especialmente nos jogos competitivos, que vão acelerar."

Esses e outros temas vão ser debatidos no Seminário 5G.BR, que acontece em Natal (RN), amanhã, 15 de setembro, no Hotel Holiday Inn. Durante o evento será discutida a relação entre o 5G, os  games e as profissões do futuro, incluindo a abertura de vagas no mercado de trabalho em diversos setores de tecnologia, como o desenvolvimento de games, o metaverso e os NFTs, entre outros ambientes. Estarão presentes os influenciadores e gamers Gordox (William Rodrigues) e Muca Muriçoca (Murilo Cervi), que vão falar sobre as novas oportunidades de negócio com os games. O evento é promovido pelo Ministério das Comunicações.

Siga a Bússola nas redes: Instagram | Linkedin | Twitter | Facebook | Youtube

Veja também 5G: Óculos de realidade mista vão linkar mundo virtual com a realidade

Para Youtubers, 5G revoluciona geração que verá vida e morte do videogame

5G: Jogos competitivos ganham de ponta a ponta com tecnologia