Taxista morre atingido por bala perdida em Niterói

No momento em que Gomes foi atingido ouviram-se tiros na favela da Grota, situada a cerca de 500 metros do local onde o taxista estava

Rio - O taxista Carlos Alberto Gomes, de 36 anos, morreu na madrugada deste sábado (30) após ser atingido por uma bala perdida enquanto conversava com amigos na avenida Rui Barbosa, no bairro de São Francisco, em Niterói, região metropolitana do Rio de Janeiro.

No momento em que Gomes foi atingido ouviram-se tiros na favela da Grota, situada a cerca de 500 metros do local onde o taxista estava.

Segundo a Polícia Militar, não houve nenhuma operação policial com troca de tiros na região nesta madrugada. A Polícia Civil tentará identificar de onde partiu o disparo.

Bombeiros do quartel de Charitas foram chamados, mas Gomes morreu antes da chegada dos socorristas. Casado e pai de dois filhos, ele trabalhava como taxista havia dois anos.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.