Tarcísio na Agrishow 2022: "Se eleito, vou reduzir ICMS"

Feira de agronegócio serve de palanque para candidatos ao governo de São Paulo; ex-ministro da Infraestrutura visita feira nesta segunda e Doria é esperado na terça, dia 26
Tarcísio de Freitas ao lado de Bolsonaro: ex-ministro visita Agrishow 2022 (Alan Santos/PR/Flickr)
Tarcísio de Freitas ao lado de Bolsonaro: ex-ministro visita Agrishow 2022 (Alan Santos/PR/Flickr)
Carla Aranha
Carla AranhaPublicado em 25/04/2022 às 17:52.

A Agrishow, maior feira do agro no país, que voltou a ser realizada depois de dois anos suspensa em função da pandemia, vem movimentando não apenas o mercado -- são esperados 6 bilhões de reais em negócios fechados durante o evento. Com um público estimado em 150 mil pessoas, a Agrishow, realizada em Ribeirão Preto, no interior do Estado, se tornou um polo também de atração de candidatos ao governo de São Paulo.

Nesta segunda, dia 25, Tarcísio de Freitas, ex-ministro da Infraestrutura, percorreu parte da feira ao lado de apoiadores. "Se for eleito, devo reduzir o valor do ICMS", afirmou à EXAME. Atrás do candidato Fernando Haddad (PT) nas pesquisas de intenção de voto, Tarcísio aparece com cerca de 14% da preferência dos eleitores. "Estou crescendo na campanha e acredito, sim, que devo ir ao segundo turno com Haddad", afirmou.

Nesta terça, dia 26, será a vez de João Doria (PSDB), pré-candidato à presidência, visitar a feira, ao lado do prefeito Duarte Nogueira, de Ribeirão Preto, seu correlegionário.

A abertura do evento coube ao presidente Jair Bolsonaro. Uma comitiva formada pelo Marcos Montes, ministro da Agricultura, Joaquim Leite, titular da pasta do Meio Ambiente, e parlamentares, acompanhou a cerimônia.

LEIA MAIS: