SP na fase vermelha: veja tudo o que fecha e como fica a volta às aulas

Serviços não essenciais só podem funcionar até as 20h durante a semana, aos sábados e domingos, shoppings não abrem. Volta às aulas fica para o dia 8 de fevereiro

Reportagem de janeiro de 2021. Veja as regras que valem em março de 2021!

As regras da fase vermelha do combate ao coronavírus já estão valendo em todas as cidades do estado de São Paulo. Agora, os bares e restaurantes precisam encerrar as atividades às 20h, assim como shopping centers e lojas de rua. Academias de ginástica e salões de beleza também precisam fechar nesse horário. A medida é válida até o dia 8 de fevereiro.

Aos finais de semana, apenas serviços essenciais, como supermercados, farmácias, postos de gasolina e oficinas mecânicas, podem funcionar. Os shopping centers e o comércio ficam fechados. Nas padarias, é permitida apenas a compra e retirada de alimentos. Restaurantes e bares também podem abrir apenas para delivery.

A fase vermelha é a mais restritiva do Plano São Paulo de esforços de contenção da covid. A decisão sobre a volta de medidas mais duras para fazer frente a nova onda de disseminação do coronavírus no estado foi divulgada na última sexta-feira, dia 23, pelo governador João Doria (PSDB).

O governo estadual também divulgou o novo calendário de volta às aulas. As escolas devem voltar a funcionar a partir do dia 8 de fevereiro, contrariando a previsão inicial de retomada do ensino na próxima segunda, dia 1º.

A secretaria de saúde continuará a monitorar o avanço da covid no estado. Caso seja necessário, novas medidas poderão ser adotadas. As cidades paulistas já somam mais de 1,7 milhão de casos e 51,5 mil óbitos.

 

De 0 a 10 quanto você recomendaria Exame para um amigo ou parente?

Clicando em um dos números acima e finalizando sua avaliação você nos ajudará a melhorar ainda mais.

 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 1,90

Nos três primeiros meses,
após este período: R$ 15,90

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.
Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.