Secretaria recebe 5 notificações de mortes por reação à vacina

Segundo a Secretaria, a reação à vacina de febre amarela é rara e pode atingir uma a cada 500 mil pessoas que tomaram a dose.

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de São Paulo recebeu cinco notificações de moradores do município sobre mortes causadas pela suposta reação à vacina de febre amarela. Uma foi confirmada; uma, descartada e outras três estão em investigação.

Segundo a Secretaria, a reação à vacina é rara e pode atingir uma a cada 500 mil pessoas que tomaram a dose. “A resposta negativa do organismo é causada por uma deficiência imunológica, que faz com que a pessoa, ao ser vacinada, acabe desenvolvendo a doença sem ter sido contaminada pelo mosquito transmissor”, estacou. 

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.