RJ suspende aulas na capital e em 35 cidades após alta de casos de covid

Cidades voltaram a ter aumento do número de casos da doença
Rio de Janeiro: essas escolas terão ensino exclusivamente remoto e só funcionarão para atividades administrativas (Bruna Prado/Getty Images)
Rio de Janeiro: essas escolas terão ensino exclusivamente remoto e só funcionarão para atividades administrativas (Bruna Prado/Getty Images)
Por Agência O GloboPublicado em 06/08/2021 16:32 | Última atualização em 06/08/2021 21:38Tempo de Leitura: 3 min de leitura

O governo do Rio de Janeiro determinou, nesta sexta-feira, a suspensão das aulas presenciais nas escolas da rede estadual da capital e de mais 35 municípios, na próxima semana (de 9 a 13 deste mês), em razão do aumento do número de casos de covid-19. Nove das 11 cidades da Baixada Fluminense também estão incluídas.

Essas escolas terão ensino exclusivamente remoto e só funcionarão para atividades administrativas, como a retirada de material pedagógico e do kit alimentação, além de entrega de documentos e matrícula de alunos.

Escolas municipais e particulares do Rio vão manter ensino presencial

Diferentemente dos colégios da rede estadual, as aulas presenciais serão mantidas nas escolas públicas municipais da capital, a despeito do aumento do número de casos de Covid-19 no Rio. "A Secretaria municipal de Educação segue as determinações sanitárias da Secretaria Municipal de Saúde e do Comitê de Enfrentamento à Covid-19", disse o órgão por e-mail. "A rede municipal de Educação do Rio possuiu um rigoroso protocolo sanitário, validado pelo Comitê de Enfrentamento à Covid-19, que é aplicado em todas as unidades escolares", acrescenta a pasta.

Particulares em sistema híbrido

As cerca de 2.200 escolas particulares do município do Rio também vão continuar funcionando em sistema hídrido (presencial e remoto) na semana que vem. A informação é de Lucas Werneck Machado, diretor do Sindicato das Escolas Particulares do Rio (Sinepe-Rio).

— Para as escolas partriculares não muda nada. Elas vão continuar abertas, mantendo as restrições e cuidados já adotados. Estamos seguindo normas rígidas de segurança e higienização.

Segundo a Secretaria estadual de Educação, os colégios particulares, apesar de vinculados ao estado, devem seguir as normas das prefeituras.

Os municípios onde foram suspensas aulas da rede estadual

    • Aperibé
    • Belford Roxo
    • Bom Jesus do Itabapoana
    • Cambuci
    • Carapebus
    • Cardoso Moreira
    • Cordeiro
    • Duas Barras
    • Duque de Caxias
    • Iguaba Grande
    • Italva
    • Itaocara
    • Itaperuna
    • Japeri
    • Laje do Muriaé
    • Mesquita
    • Miracema
    • Natividade
    • Nilópolis
    • Nova Iguaçu
    • Porciúncula
    • Queimados

    Rio de Janeiro

    • Rio das Flores
    • Santo Antônio de Pádua
    • São João de Meriti
    • São Francisco de Itabapoana
    • São João da Barra
    • São José de Ubá
    • São Pedro da Aldeia
    • São Sebastião do Alto
    • Seropédica
    • Silva Jardim
    • Teresópolis
    • Trajano de Moraes
    • Varre-Sai

    Rede privada

    Já as escolas particulares, que são vinculadas ao sistema estadual de Educação, deverão funcionar seguindo as normativas dos municípios em que estão localizadas. Caberá às autoridades de saúde e de Vigilância Sanitária de cada uma dessas cidades fazer o acompanhamento e a fiscalização do cumprimento dos protocolos sanitários.

    Ensino híbrido em 56 cidades

    Já as escolas estaduais de outros 56 municípios fluminenses poderão oferecer aulas no modelo de ensino híbrido (presencial e remoto). São eles: Angra dos Reis; Araruama; Areal; Armação de Búzios; Arraial do Cabo; Barra do Piraí; Barra Mansa; Bom Jardim; Cabo Frio; Cachoeiras de Macacu; Campos dos Goytacazes; Cantagalo; Carmo; Casimiro de Abreu; Comendador Levy Gasparian; Conceição de Macabu; Engenheiro Paulo de Frontin; Guapimirim; Itaboraí; Itaguaí; Itatiaia; Macaé; Macuco; Magé; Mangaratiba; Maricá; Mendes; Miguel Pereira; Niterói; Nova Friburgo; Paracambi; Paraíba do Sul; Paraty; Paty do Alferes; Petrópolis; Pinheiral; Piraí; Porto Real; Quatis; Quissamã; Resende; Rio Bonito ;Rio Claro; Rio das Ostras; Santa Maria Madalena; São Fidélis; São Gonçalo; São José do Vale do Rio Preto; Sapucaia; Saquarema; Sumidouro; Tanguá; Três Rios; Valença; Vassouras; Volta Redonda.

    • Fique por dentro das principais notícias do Brasil e do mundo. Assine a EXAME