Rio: Dilma acompanha tragédia e pede providências

Presidente conversou com Sérgio Cabral, governador do Rio, e com o prefeito Eduardo Paes, da capital, e determinou que ministro da Justiça, Eduardo Cardozo, aja

Brasília – A presidenta Dilma Rousseff está chocada e consternada com a tragédia ocorrida hoje (7) no Rio de Janeiro e acompanha o episódio com grande “preocupação”. As informações são do porta-voz da Presidência da República, Rodrigo Baena.

Dilma conversou nesta manhã com o governador do Rio de Janeiro, Sergio Cabral, e com o prefeito, Eduardo Paes, para saber detalhes sobre o episódio e determinou ao ministro da Justiça, Eduardo Cardozo, que tome as previdências necessárias em relação ao episódio.

No início da manhã, o ex-estudante da Escola Municipal Tasso da Silveira, em Realengo, Wellington Menezes de Oliveira, de 23 anos, entrou no colégio e atirou nos alunos. Ao todo, 11 pessoas morreram e 17 estão feridas.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.