Presidente do Tribunal Superior Eleitoral vota em São Paulo

O presidente do TSE disse que, ao menos na primeira hora de votação, “tudo está ocorrendo com tranquilidade, com segurança, tanto no Brasil
Alexandre de Moraes: "eu peço ao eleitor que compareça, vote e volte para casa, vá almoçar, depois a tarde aproveite o domingo” (MIGUEL SCHINCARIOL/AFP via Getty Images/Getty Images)
Alexandre de Moraes: "eu peço ao eleitor que compareça, vote e volte para casa, vá almoçar, depois a tarde aproveite o domingo” (MIGUEL SCHINCARIOL/AFP via Getty Images/Getty Images)
A
Agência BrasilPublicado em 02/10/2022 às 10:39.

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Alexandre de Moraes, disse na manhã de hoje (2) que as eleições devem transcorrer com “absoluta tranquilidade”. Ele pediu que o eleitor compareça cedo à urna para votar neste domingo de primeiro turno e depois “aproveite o domingo”.

“Eu peço ao eleitor que compareça, vote e volte para casa, vá almoçar, depois a tarde aproveite o domingo”, disse Moraes após votar, por volta de 9h, em São Paulo, onde mantém residência.

O presidente do TSE disse que, ao menos na primeira hora de votação, “tudo está ocorrendo com tranquilidade, com segurança, tanto no Brasil quanto no exterior, desde a madrugada”.

Neste ano, pela primeira vez, todas as seções eleitorais do Brasil ficam abertas das 8h às 17h no horário de Brasília. Nas localidades com outro fuso horário, portanto, o horário é adaptado de acordo com o horário local.

A regra, entretanto, não se aplica aos eleitores das seções eleitorais no exterior, em que as urnas são abertas de acordo com o horário local. Em países como Nova Zelândia e Austrália, por exemplo, a votação inclusive já foi concluída e os boletins de urna enviados ao Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal (TRE-DF), responsável por organizar o pleito em outros países.

Leia tudo sobre as eleições 2022