Popularidade de governo Bolsonaro cai 15 pontos desde janeiro, diz Ibope

Avaliação positiva da nova gestão está em 34% e aprovação pessoal do presidente caiu 16 pontos, a 51%

São Paulo - A avaliação positiva do governo do presidente Jair Bolsonaro sofreu uma queda de 15 pontos percentuais em relação a janeiro e agora soma 34 por cento, apontou pesquisa Ibope divulgada pelo instituto nesta quarta-feira, que também mostrou que a aprovação pessoal do presidente caiu 16 pontos no período, para 51 por cento.

De acordo com o levantamento, a avaliação regular do governo Bolsonaro é de 34 por cento, ao passo que 24 por cento avaliam o governo como ruim ou péssimo.

Em fevereiro, a avaliação positiva do governo era de 39 por cento, enquanto em janeiro esse número era de 49 por cento. No mês passado, 30 por cento consideravam o governo regular, contra 26 por cento em janeiro. Já o percentual dos que viam o governo de forma negativa era de 19 por cento em fevereiro e de 11 por cento em janeiro.

De acordo com o Ibope, 8 por cento não souberam responder quando indagados sobre a avaliação do governo, percentual que era de 12 por cento em fevereiro e de 14 por cento em janeiro.

Ainda de acordo com a sondagem, 51 por cento dos entrevistados aprovam o desempenho pessoal de Bolsonaro na Presidência, ante 57 por cento em fevereiro e 67 por cento em janeiro. O percentual dos que desaprovam é de 38 por cento agora, contra os 31 por cento registrados em fevereiro e 21 por cento em janeiro.

Dez por cento não souberam responder sobre o desempenho pessoal de Bolsonaro, ante 12 por cento em fevereiro e janeiro.

O Ibope também pesquisou a confiança em Bolsonaro, e 49 por cento afirmaram confiar no presidente, contra 55 por cento em fevereiro e 62 por cento em janeiro. Ao mesmo tempo, 44 por cento afirmaram não confiar em Bolsonaro, ante 38 por cento em fevereiro e 30 por cento em janeiro.

O Ibope ouviu 2.002 pessoas entre sábado e terça-feira. A margem de erro da pesquisa é de 2 pontos percentuais.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também