Brasil

Paes lidera no Rio com 51,6%, o dobro da soma de adversários, aponta pesquisa Futura Inteligência

Paes lidera as intenções de votos com folga em todos os cenários de primeiro e segundo turno

Rio: Paes lidera com folga no Rio (Ricardo Stuckert / PR/Flickr)

Rio: Paes lidera com folga no Rio (Ricardo Stuckert / PR/Flickr)

André Martins
André Martins

Repórter de Brasil e Economia

Publicado em 3 de julho de 2024 às 11h02.

Última atualização em 3 de julho de 2024 às 11h04.

Tudo sobreEleições 2024
Saiba mais

O atual prefeito do Rio de Janeiro e pré-candidato à reeleição, Eduardo Paes (PSD), lidera as simulações de intenções de votos em todos os cenários de primeiro turno e de segundo turno, segundo a pesquisa da empresa 100% Cidades, em parceria com a Futura Inteligência, obtida com exclusividade pela EXAME.

A três meses da eleição, Paes aparece com 51,6% da preferência do eleitorado, mais que o dobro da soma de todos os seus adversários. Em segundo lugar, o deputado federal Alexandre Ramagem (PL), apoiado pelo ex-presidente Jair Bolsonaro, tem 8,4%, empatado tecnicamente com Tarcíso Mota (PSOL), com 6,1%. Ainda há um considerável número de eleitores indecisos ou que preferem votar nulo ou em branco, representando 12,6% e 12,6%, respectivamente.

  • Eduardo Paes (PSD): 51,6%
  • Alexandre Ramagem (PL): 8,4%
  • Tarcísio Mota (PSOL): 6,1%
  • Otoni de Paula (MDB): 2,4%
  • Rodrigo Amorim (União): 1,4%
  • Cyro Garcia (PSTU): 1,4%
  • Juliete Pantoja (UP): 0,7%
  • Henrique Simonard (PCO): 0,7%
  • Dani Balbi (PCdoB): 0,6%
  • Marcelo Queiroz (PP): 0,6%
  • Carol Sponza (NOVO): 0,3%
  • Indecisos: 12,6%
  • Voto branco/nulo: 13,2%

Outros cenários

Em uma segunda simulação estimulada pelo instituto, sem Rodrigo Amorim, Henrique Simonard e Marcelo Queiroz, Paes lidera com 49,3%, segudo por Ramagem com 9,2% e Motta com 7,5%. Otoni de Paula e Cyro Garcia ganham pelo menos um ponto percentual nessa simualação. 

No último cenário, Paes fica com 50% e Ramagem ganha quase dois pontos percentuais e chega a 10,6%. Motta aparece com 6,5% e Cyro 4,4%.

José Luiz Soares Orrico, fundador e diretor técnico da Futura Inteligência, avalia que o quadro para a oposição no Rio é difícil com o favoritismo e boa avaliação da gestão de Paes.

"O que comanda o processo eleitoral quando se trata de reeleição, com o prefeito em exercício, é a imagem da gestão e a dele. Se a administração vai razoavelmente bem e os principais serviços são entregues com alguma qualidade, é muito difícil perder. E o Eduardo Paes parece que se enquadra bem nesse critério", diz Orrico.

Paes lidera com folga no segundo turno

Nas duas únicas simulações de segundo turno realizadas pelo instituto, Paes lidera com folga. Contra Ramagem, o atual prefeito aparece com 63,8% contra 20,1% do pré-candidato do PL. Na disputa com Tarcísio Motta, Paes fica com 61,9% contra 17,6% do psolista.

A pesquisa Futura/100% Cidades foi registrada no TSE como RJ-04626/2024 e ouviu 1000 pessoas entre os dias 20 e 26 de junho, usando a abordagem CATI (entrevista telefônica assistida por computador). A margem de erro é de 3,10 pontos percentuais para um nível de confiança de 95%.

Quando vai ser a eleição para prefeito?

As eleições municipais de 2024 vão acontecer no dia 6 de outubro de 2024, o primeiro domingo do mês. Já o segundo turno, se houver, deve acontecer no último domingo do mês, dia 27 de outubro, nas cidades com mais de 200.000 eleitores em que a candidata ou candidato mais votado à prefeitura não tenha atingido a maioria absoluta, isto é, metade mais um dos votos válidos (excluídos brancos e nulos).

Acompanhe tudo sobre:Eleições 2024Pesquisas eleitorais

Mais de Brasil

Governo e Senado pedem ao STF prorrogação de prazo de acordo sobre desoneração da folha

Lula diz que proposta de segurança do governo será elaborada com 27 governadores

Aeroporto de Porto Alegre será reaberto em outubro com 50 voos diários, diz ministro

Governo Lula é ruim ou péssimo para 44,2% e bom ou ótimo para 37,7%, aponta pesquisa Futura

Mais na Exame