• AALR3 R$ 20,04 -0.79
  • AAPL34 R$ 68,48 2.55
  • ABCB4 R$ 16,84 0.90
  • ABEV3 R$ 14,01 -0.07
  • AERI3 R$ 3,80 4.40
  • AESB3 R$ 10,87 1.59
  • AGRO3 R$ 31,16 1.37
  • ALPA4 R$ 20,80 1.66
  • ALSO3 R$ 19,46 2.37
  • ALUP11 R$ 27,30 1.87
  • AMAR3 R$ 2,50 3.73
  • AMBP3 R$ 31,23 3.93
  • AMER3 R$ 24,01 2.30
  • AMZO34 R$ 64,86 -2.67
  • ANIM3 R$ 5,70 4.59
  • ARZZ3 R$ 79,83 -1.88
  • ASAI3 R$ 15,91 -0.31
  • AZUL4 R$ 21,67 2.70
  • B3SA3 R$ 12,11 0.58
  • BBAS3 R$ 38,52 4.11
  • AALR3 R$ 20,04 -0.79
  • AAPL34 R$ 68,48 2.55
  • ABCB4 R$ 16,84 0.90
  • ABEV3 R$ 14,01 -0.07
  • AERI3 R$ 3,80 4.40
  • AESB3 R$ 10,87 1.59
  • AGRO3 R$ 31,16 1.37
  • ALPA4 R$ 20,80 1.66
  • ALSO3 R$ 19,46 2.37
  • ALUP11 R$ 27,30 1.87
  • AMAR3 R$ 2,50 3.73
  • AMBP3 R$ 31,23 3.93
  • AMER3 R$ 24,01 2.30
  • AMZO34 R$ 64,86 -2.67
  • ANIM3 R$ 5,70 4.59
  • ARZZ3 R$ 79,83 -1.88
  • ASAI3 R$ 15,91 -0.31
  • AZUL4 R$ 21,67 2.70
  • B3SA3 R$ 12,11 0.58
  • BBAS3 R$ 38,52 4.11
Abra sua conta no BTG

Moro condena Lula a 9 anos e 6 meses de prisão por caso tríplex

Esta é a primeira condenação de Lula no âmbito da Lava Jato; ele ainda é réu em outros quatro processos. Cabe recurso
 (VEJA/Orlando Brito/VEJA)
(VEJA/Orlando Brito/VEJA)
Por Valéria Bretas, Luiza CalegariPublicado em 12/07/2017 14:02 | Última atualização em 12/07/2017 17:45Tempo de Leitura: 2 min de leitura

São Paulo – O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi condenado pelo juiz Sergio Moro a nove anos e seis meses de prisão por lavagem de dinheiro e  corrupção passiva no caso do tríplex do Guarujá, investigado no âmbito da Operação Lava Jato.

A página de Lula no Facebook reproduziu a nota dos advogados do ex-presidente, que afirmam que Lula é inocente, e que eles vão provar "em todas as cortes não-tendenciosas, inclusive a ONU".

Em suas alegações finais do processo,  o MPF pediu a prisão de Lula em regime fechado, sustentando que ele recebeu R$ 3,7 milhões em benefício próprio – de um valor de R$ 87 milhões de corrupção – da empreiteira OAS, entre 2006 e 2012.

Segundo o MP, Lula teria recebido o tríplex no Guarujá como contrapartida por contratos fechados entre a OAS e a Petrobras durante sua gestão.

Do total, R$ 2,4 milhões se referiam a melhorias e reformas de um tríplex no Guarujá, e outro R$ 1,3 milhão teria financiado o armazenamento de seus bens pessoais entre 2011 e 2016, incluindo o acervo de presentes recebidos durante seus anos na presidência, segundo a acusação do MPF.

Também são réus no caso o ex-presidente da OAS, Léo Pinheiro, os executivos da empresa Agenor Franklin Medeiros, Paulo Gordilho, Fábio Yonamine e Roberto Ferreira, e o presidente do Instituto Lula, Paulo Okamotto.

Todos são acusados de lavagem de dinheiro e corrupção ativa. A ex-primeira-dama Marisa Letícia teve o nome excluído da ação após a sua morte, em fevereiro passado.

A denúncia contra o ex-presidente foi apresentada pelo Ministério Público Federal (MPF) em setembro de 2016. Veja a íntegra do documento. 

Leia a sentença expedida hoje:

Condenação de Lula por Moro na Lava Jato by EXAME.com on Scribd

Veja a nota dos advogados de Lula: