A página inicial está de cara nova Experimentar close button
Conheça o beta do novo site da Exame clicando neste botão.

Moraes manda soltar jornalista acusado de incentivar ato antidemocrático

Wellington Macedo foi alvo de mandado de prisão cumprido pela PF dias antes das manifestações

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes determinou a soltura do jornalista Wellington Macedo de Souza, preso no início de setembro sob suspeita de incentivar a realização de atos antidemocráticos no 7 de setembro.

  • Assine a EXAME e acesse as notícias mais importantes em tempo real.

Moraes entendeu que não havia mais justificativa para a prisão dele, já que as manifestações do dia 7 já ocorreram. Por isso, determinou sua transferência para prisão domiciliar com tornozeleira eletrônica, além de outras restrições, como a proibição de participar em redes sociais, restrição de aproximação da Praça dos Três Poderes e proibição de comunicação com outros investigados.

Com isso, Wellington Macedo já foi colocado em liberdade na madrugada desta sexta-feira. Ele estava preso desde o dia 3 de setembro, depois que Moraes entendeu que Macedo tinha descumprido a determinação de não utilizar redes sociais.

Sua defesa chegou a argumentar que Macedo estava passando por problemas de saúde na prisão, com transtornos psicológicos e dificuldade de se alimentar. Uma vistoria do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos feita no mês passado para verificar suas condições no Complexo Penitenciário da Papuda recomendou o envio de Macedo para a prisão domiciliar.

Sua prisão havia sido decretada junto com a do líder caminhoneiro Marcos Antônio Pereira Gomes, o Zé Trovão, que está foragido no México. No caso dele, o decreto de prisão ainda está mantido, mas não chegou a ser cumprido porque ele se encontra no exterior.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também