Ministro por 5 dias, Decotelli atualiza currículo para incluir experiência

Decotelli pediu demissão pessoalmente na última terça-feira após virem à tona diversas falhas em seu currículo; Brasil segue sem ministro da Educação

Mesmo sem ter tomado posse como ministro da Educação, o professor Carlos Alberto Decotelli da Silva atualizou seu currículo Lattes com essa sua última experiência, que durou apenas cinco dias, entre 25 e 30 de junho de 2020. O professor e ex-presidente do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) pediu demissão pessoalmente na última terça-feira após virem à tona diversas falhas em seu currículo.

Ao menos três instituições de ensino superior desmentiram o até então titular do MEC quanto aos títulos acadêmicos publicados por ele em seu histórico profissional.

A gota d’água para o presidente Jair Bolsonaro teria vindo após a Fundação Getúlio Vargas (FGV) afirmar que não reconhece Decotelli como professor oficialmente, dizendo que ele lecionou apenas em cursos extras e programas de formação de executivos. A FGV vinha sendo pressionada a se posicionar por não ter identificado as divergências no histórico acadêmico de Decotelli antes que ele lecionasse na universidade.

Desde a saída do ex-ministro Abraham Weintraub, em maio, o Brasil está sem ministro da Educação. Nesta sexta-feira, o governo confirmou a nomeação de Renato Feder, que é Secretário de Educação do Paraná, mas o nome ainda sofre resistências.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.