Brasil
Acompanhe:

Ministério da Saúde distribui 1 milhão de doses de vacina para crianças

Segundo a autoridade do setor de saúde, as doses de reforço aumentam a proteção contra casos graves e óbitos pela covid-19

 (Breno Esaki/Agência Saúde DF/Agência Brasil)

(Breno Esaki/Agência Saúde DF/Agência Brasil)

A
André Martins

18 de novembro de 2022, 15h25

Um milhão de doses da vacina Coronavac serão distribuídas em todas as unidades federativas para reforçar o combate à covid-19 entre crianças com idade a partir de 3 anos e menores de 5 anos. A expectativa do Ministério da Saúde é que o imunizante seja distribuído até o início da próxima semana.

As vacinas produzidas pelo Instituto Butantan serão distribuídas de forma “equânime e proporcional” aos estados e ao Distrito Federal, levando em conta a parcela da população que se encontra nesta faixa etária.

“Para crianças, o esquema vacinal com a CoronaVac é o mesmo do público adolescente e adulto. São duas doses com intervalo de 28 dias entre elas”, informou o ministério ao recomendar que a administração seja concomitante das vacinas, “simultaneamente às demais vacinas do calendário vacinal ou em qualquer intervalo na faixa etária de 6 meses de idade ou mais”.

Segundo a autoridade do setor de saúde, as doses de reforço aumentam a proteção contra casos graves e óbitos pela covid-19.

Cerca de 519 milhões de doses de vacinas contra a covid-19 já foram distribuídas no país. O ministério informa que “mais de 69 milhões de brasileiros ainda não buscaram a primeira dose de reforço”.

Veja como será a distribuição das doses:

  • Acre: 6.010
  • Alagoas: 17.400
  • Amapá: 5.400
  • Amazonas: 27.250
  • Bahia: 70.930
  • Ceará: 40.820
  • Distrito Federal: 14.510
  • Espírito Santo: 18.500
  • Goiás: 34.400
  • Maranhão: 43.620
  • Mato Grosso: 21.350
  • Mato Grosso do Sul: 15.320
  • Minas Gerais: 86.510
  • Pará: 51.100
  • Paraíba: 20.900
  • Paraná: 47.830
  • Pernambuco: 40.000
  • Piauí: 14.580
  • Rio de Janeiro: 72.800
  • Rio Grande do Norte: 16.140
  • Rio Grande do Sul: 46.310
  • Rondônia: 10.180
  • Roraima: 4.440
  • Santa Catarina: 34.040
  • São Paulo: 218.590
  • Sergipe: 10.940
  • Tocantins: 9.030

LEIA TAMBÉM: 

Covid-19: Anvisa libera venda de álcool 70% na forma líquida