Marta Suplicy recusa Ministério da Cultura, dizem jornais

Convite foi feito há semanas antes do pedido de demissão do ministro interino, entregue hoje ao governo
 (Marta Matarazzo Suplicy no Congresso Nacional em 1995: em sua primeira empreitada política/Divulgação)
(Marta Matarazzo Suplicy no Congresso Nacional em 1995: em sua primeira empreitada política/Divulgação)
Por Tatiana VazPublicado em 16/06/2017 19:54 | Última atualização em 16/06/2017 19:54Tempo de Leitura: 1 min de leitura

São Paulo - Há algumas semanas a Presidência da República teria convidado a senadora Marta Suplicy, do PMDB-SP, a assumir o comando do Ministério da Cultura. Ela, no entanto, recusou.

As informações são da Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, e Sonia Racy, do Estadão.

O ministro interino da Cultura do governo Temer, João Batista de Andrade, enviou hoje uma carta ao presidente pedindo demissão. Ele estava no cargo desde maio, quando o ex-ministro Roberto Freire também pediu demissão após a divulgação da delação premiada de Joesley Batista, citando Michel Temer.

De acordo com os jornais, o governo já não tinha a intenção de efetivá-lo depois de desgastes com nomeação da presidência da Ancine (Agência Nacional de Cinema).

O deputado paraibano André Amaral, um dos defensores da vaquejada, é um dos nomes cotados para o cargo, de acordo com o Estadão.

Veja Também

Um novo papel para a política fiscal
Revista Exame
Há um ano • 5 min de leitura

Um novo papel para a política fiscal

Governo nomeia nova presidente do Iphan
Brasil
Há 2 anos • 2 min de leitura

Governo nomeia nova presidente do Iphan