Jornalista argentino morre em acidente em Guarulhos

O táxi em que Jorge Luís López estava foi atingido por um carro roubado

São Paulo - O jornalista argentino Jorge Luís López, que estava no Brasil para a cobertura da Copa do Mundo, morreu na madrugada desta quarta-feira, 9, na região central de Guarulhos, na Grande São Paulo, após o táxi em que estava ser atingido por um carro roubado.

O acidente aconteceu por volta da 1h20 na Avenida Tiradentes, na altura da Praça IV Centenário. De acordo com a Polícia Civil, pelo menos quatro criminosos fugiam da polícia no momento do acidente. López morreu no local e três homens foram detidos - um deles teria conseguido fugir. O caso vai ser investigado pelo 1° Distrito Policial (DP) de Guarulhos (Centro).

Esse foi o segundo caso de acidente fatal envolvendo jornalistas argentinos que cobriam a Copa do Mundo. Há uma semana, no dia 2 de julho, a jornalista María Soledad Fernandez, de 26 anos, morreu em um acidente na Rodovia Fernão Dias (BR-381), no município de Oliveira, em Minas Gerais.

Repercussão

O jornalista, que era conhecido na argentina como Jorge "Topo" López, cobria a Copa do Mundo pelo jornal esportivo Olé e pela Rádio La Red. No site, o Olé publicou uma nota oficial sobre a morte do repórter intitulada "Todos choram".

"Sua voz ainda ressoa, uma vez que há apenas algumas horas ele entrevistava Alejandro Sabella (técnico da Argentina) em uma coletiva de imprensa, além de publicar em sua conta do Twitter. O jornal Olé e o jornalismo inteiro está de luto", afirmou a nota.

Segundo o Olé, Topo López mantinha uma "grande relação" com o jogador argentino Lionel Messi - a quem teria conhecido e estreitado o vínculo nos anos em que trabalhou em Barcelona, na Espanha. "Topo enriquecia as páginas do Olé com suas notáveis entrevistas de Leo (Messi), que confiava e se sentia cômodo toda vez que o jornalista ligava o gravador."

A Radio La Red publicou em seu Twitter uma mensagem de apoio à família do jornalista. "Nos comunicamos com Verónica, mulher de "Topo" López, para expressar nossas condolências e nos colocarmos a sua inteira disposição", disse a publicação.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também