Jipeiros e operadores de drones se mobilizam para ajudar em Brumadinho

Eles estão sendo orientados a não entrar nas áreas mais afetadas pela lama

Brumadinho — Desde ontem, grupos de jipeiros e operadores de drones estão mobilizados no entorno da localidade de Córrego do Feijão, uma das mais atingidas pelo rompimento da barragem da Vale em Brumadinho.

Eles estão sendo orientados a não entrar nas áreas mais afetadas pela lama. Os moradores que não tiveram as casas atingidas, porém, permanecem no local, mas sem água e sem luz.

A policial civil Janaina Menezes conta que a falta de luz foi o primeiro sinal de que alguma coisa estava acontecendo.

Segundo ela, por volta das 12h40 os eletrodomésticos pararam de funcionar e, logo depois, vizinhos da parte mais baixa do lugarejo começaram a subir com a notícia de que a barragem havia rompido.

Janaína, que mora com o marido, o comerciante Paulo Menezes, e cinco filhos conta que não precisou sair de casa nem teve nenhum parente próximo atingido. A sorte, diz, é que as crianças estão de férias.

 

 

“Durante as aulas, as crianças da escola usam o clube da Vale para esportes e para brincar”, conta.

Além da atividade de mineração toda a região tem vários parques e atrativos turísticos. Uma das propriedades destruídas em Córrego do Feijão foi uma pousada.

“Não dá para saber quantas pessoas estavam lá. É uma pousada antiga. Recebia sempre muita gente”, conta Genival Costa de Sá, dono do bar do Aritana.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.