Brasil

Ibope: Bolsonaro cresce para 31% e empataria com Haddad no 2º turno

Simulação mostra Bolsonaro e Haddad com 42% de intenções de voto cada um em eventual segundo turno

Jair Bolsonaro (Adriano Machado/Reuters)

Jair Bolsonaro (Adriano Machado/Reuters)

João Pedro Caleiro

João Pedro Caleiro

Publicado em 1 de outubro de 2018 às 21h07.

Última atualização em 1 de outubro de 2018 às 21h31.

São Paulo – Jair Bolsonaro (PSL) voltou a crescer nas intenções de voto, de acordo com pesquisa Ibope encomendada pela TV Globo e divulgada na noite desta segunda-feira (01) no Jornal Nacional.

O candidato foi dos 27% registrados no levantamento anterior, da quarta-feira (26) passada, para 31% atualmente.

Fernando Haddad (PT) ficou em 21%, mas sua taxa de rejeição disparou 11 pontos percentuais. Ele empataria com Bolsonaro no segundo turno; na pesquisa anterior, ganhava por quatro pontos.

O Ibope ouviu 3.010 eleitores, em 208 municípios, entre os dias 29 e 30 de setembro. A margem de erro é de dois pontos percentuais para cima ou para baixo.

Ciro Gomes (PDT) passou de 12% para 11% nas intenções de voto de primeiro turno enquanto Geraldo Alckmin (PSDB) manteve os 8%.

Marina Silva (Rede) foi de 6% para 4% no período e João Amoêdo (Novo) manteve seus 3%. Álvaro Dias (Podemos) e Henrique Meirelles (MDB) seguem com 2% das intenções de voto cada um.

Segundo turno

O Ibope também perguntou aos eleitores em quem eles votariam em um eventual segundo turno. Veja os resultados:

Ciro Gomes 45% X Jair Bolsonaro 39% (brancos e nulos: 13%)

Geraldo Alckmin 42% X Jair Bolsonaro 39% (brancos e nulos: 17%)

Jair Bolsonaro 43% X Marina Silva 38% (brancos e nulos: 17%)

Fernando Haddad 42% X Jair Bolsonaro 42% (brancos e nulos: 14%)

Evolução das taxas de rejeição em relação à pesquisa anterior

Aqui, os entrevistados devem dizer em quem não votariam de jeito nenhum e podem apontar mais de um nome.

Jair Bolsonaro: segue em 44%

Fernando Haddad: de 27% para 38%

Marina Silva: de 27% para 25%

Geraldo Alckmin: segue em 19%

Ciro Gomes: de 16% para 18%

Acompanhe tudo sobre:Fernando HaddadIbopeJair BolsonaroPesquisas eleitorais

Mais de Brasil

Lula, 'BolsoNunes' e 'paz e amor': convenção dá tom de como será a campanha de Boulos em SP

Sob gestão Lula, assassinatos contra indígenas no Brasil aumentam 15% em 2023, aponta relatório

PRTB marca data de convenção para anunciar candidatura de Marçal no mesmo dia do evento de Nunes

Moraes defende entraves para recursos a tribunais superiores e uso de IA para resolver conflitos

Mais na Exame