Governo confia em aprovar MP dos Portos, diz ministro

Câmara vai realizar uma sessão extraordinária para tentar votar a MP, que perde sua validade se não for votada pelo Senado até o dia 16

Brasília - O governo confia na aprovação da Medida Provisória dos Portos no Congresso antes do prazo até quinta-feira, afirmou nesta segunda-feira o ministro dos <a href="https://exame.com/noticias-sobre/portos" target="_blank"><strong>Portos</strong></a>, Leônidas Cristino, acrescentando que não há plano B em caso de não aprovação da MP.</p>

A Câmara dos Deputados vai realizar uma sessão extraordinária nesta segunda-feira para tentar votar a MP, que perde sua validade se não for votada pelos plenários da Câmara e do Senado até o dia 16.

"Estou confiante. O Congresso Nacional nunca faltou ao Brasil. E esse dispositivo legal tem uma importância extraordinária para a economia do nosso país", disse Cristino a jornalistas, após reunião com diversos ministros que têm buscado o apoio das bancadas de seus partidos para a aprovação da MP dos Portos.

"Nós confiamos no Congresso Nacional. O governo não tem plano B, nem C. Nós vamos confiar até o ultimo minuto", acrescentou.

Segundo Leônidas, os ministros que participaram da reunião irão "apurar" as conversas com seus correligionários no Congresso para viabilizar a aprovação da MP. O ministro acrescentou que participará de reunião nesta tarde com líderes da base aliada na Câmara para tratar novamente do assunto.

A própria presidente Dilma Rousseff tem feito apelos públicos, nos últimos dias, pela aprovação da medida provisória, considerada por ela como essencial para modernizar o setor portuário.

A votação da MP foi adiada na última semana após uma sessão tensa e marcada por troca de acusações entre os parlamentares.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também