Brasil

Força-tarefa da Lava Jato denuncia ex-presidente da Transpetro

Sérgio Machado é investigado na fase de número 59 da operação, pelos crimes de corrupção passiva, corrupção ativa e lavagem de dinheiro

Sérgio Machado: força-tarefa da Lava Jato denunciou o ex-presidente da Transpetro (Agência Petrobras/Divulgação)

Sérgio Machado: força-tarefa da Lava Jato denunciou o ex-presidente da Transpetro (Agência Petrobras/Divulgação)

EC

Estadão Conteúdo

Publicado em 7 de março de 2019 às 08h38.

São Paulo - A força-tarefa da Lava Jato denunciou o acionista e ex-presidente de empresas do Grupo Estre Wilson Quintella Filho, e também o ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado, o executivo Antonio Kanji Hoshiwaka e o advogado Mauro de Morais, todos investigados na fase de número 59 da operação, pelos crimes de corrupção passiva, corrupção ativa e lavagem de dinheiro, em caso envolvendo suposto pagamento de R$ 21,1 milhões em propina. A reportagem não conseguiu contato com a defesa dos citados. O espaço está aberto para as manifestações.

Acompanhe tudo sobre:Operação Lava JatoTranspetro

Mais de Brasil

Lula, 'BolsoNunes' e 'paz e amor': convenção dá tom de como será a campanha de Boulos em SP

Sob gestão Lula, assassinatos contra indígenas no Brasil aumentam 15% em 2023, aponta relatório

PRTB marca data de convenção para anunciar candidatura de Marçal no mesmo dia do evento de Nunes

Moraes defende entraves para recursos a tribunais superiores e uso de IA para resolver conflitos

Mais na Exame