A página inicial está de cara nova Experimentar close button
Conheça o beta do novo site da Exame clicando neste botão.

Fogo já consumiu 300 hectares de parque nacional no Rio

Cerca de 2 mil hectares de mata em áreas urbanas já foram destruídos pelo fogo

Rio de Janeiro - O incêndio florestal iniciado há nove dias na região serrana do Rio, que já consumiu 300 hectares do Parque Nacional da Serra dos Órgãos, ameaçava nesta terça-feira zonas residenciais de Petrópolis.

Cerca de 2 mil hectares de mata em áreas urbanas já foram destruídos pelo fogo. Até a tarde de hoje havia pelo menos 20 focos de incêndio no município, um deles próximo de um condomínio de casas.

Moradores esvaziavam caixas d'água para ajudar bombeiros na tentativa de impedir a aproximação das chamas.

"A única aeronave que chegou está priorizando áreas fora do parque, por causa do risco de perda de vidas humanas", disse o chefe do parque nacional, Leandro Goulart. Segundo ele, um nevoeiro impediu a chegada de outras quatro aeronaves acionadas para facilitar o trabalho de combate ao fogo.

O chefe do parque atribuiu as recentes queimadas à estiagem e à queima de lixo na região. Dentro do parque, cinquenta brigadistas trabalhavam para tentar conter as chamas.

Um dos principais problemas é a distância dos focos, concentrados em uma região de terreno montanhoso. Um grupo de brigadistas partiu às 6h30 de hoje e só chegou perto de um dos focos dentro do parque quatro horas depois.

Segundo Goulart, pelo menos 300 dos 20 mil hectares do parque nacional já foram destruídos.

"É um dos maiores incêndios dos últimos anos na Serra dos Órgãos e um dos mais difíceis de combater, pela região que foi atingida. O último de grandes proporções ocorreu em 2007, quando 500 hectares foram destruídos", disse o agrônomo e analista ambiental do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

A região do parque consumida pelo fogo fica perto de Correas, distrito de Petrópolis.

A Defesa Civil Estadual informou que cerca de 100 bombeiros estão envolvidos na operação. Foram acionados militares do Quartel Central e das unidades da Barra da Tijuca e do Alto da Boa Vista, no Rio, para reforçar a equipe local.

"Bombeiros combatem desde domingo focos de incêndio em vegetação em vários pontos da região de Itaipava e Petrópolis, como Bonsucesso, Estrada da Rocinha, Sossego, Nogueira e Estrada Mangalarga, entre outros", informou a Defesa Civil, em nota.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também