Brasil

Expectativa de vida do brasileiro sobe para 75,8 anos, diz IBGE

A expectativa do brasileiro ao nascer aumentou cerca de três meses em relação ao ano anterior

 (Christopher Furlong/Getty Images)

(Christopher Furlong/Getty Images)

Valéria Bretas

Valéria Bretas

Publicado em 1 de dezembro de 2017 às 09h05.

Última atualização em 1 de dezembro de 2017 às 10h25.

São Paulo – A expectativa de vida do brasileiro ao nascer aumentou cerca de três meses em relação ao ano anterior, segundo dados divulgados nesta sexta-feira (1) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

De acordo com a Tábula de Mortalidade, que o IBGE divulga anualmente, a esperança de vida passou de 75,5 anos em 2015 para 75,8 anos em 2016.

Entre os estados brasileiros, a maior expectativa de vida foi observada em Santa Catarina, 79,1 anos, seguido por Espírito Santo, Distrito Federal e São Paulo, todos com valores acima de 78 anos de idade. 

Já a menor esperança de vida foi encontrada no Maranhão, 70,6 anos. Piauí, Rondônia, Roraima, Alagoas e Amazonas também apresentaram expectativas de vida abaixo de 72 anos. 

Ainda segundo o levantamento, a expectativa de vida do brasileiro vem aumentando ao longo do tempo. Em 1940, por exemplo, esse valor era de 45,5 anos, sendo 42,9 para homens e 48,3 anos para mulheres - um aumento de 30,3 anos em relação a 2016. 

Veja a evolução da expectativa do brasileiro ao nascer (em anos)

- (IBGE/Reprodução)

Acompanhe tudo sobre:Expectativa de vidaIBGE

Mais de Brasil

Convenção do PRTB e disputas judiciais podem barrar Pablo Marçal na disputa em SP; entenda

TSE divulga perfil do eleitor que vai às urnas em outubro; veja qual é

Brasil terá mais de 155 milhões de eleitores nas eleições municipais de 2024

Guarulhos e Galeão têm atrasos causados por efeitos do apagão cibernético global

Mais na Exame