Brasil
Acompanhe:

Economista da transição de Lula e ministros do STF participam de evento do Lide em NY

O ex-presidente Michel Temer faz a abertura do evento. Logo após, falam sobre "Brasil e o respeito à liberdade à democracia" os ministros do STF

Economista Pérsio Arida. (Foto/Exame)

Economista Pérsio Arida. (Foto/Exame)

D
Da redação, com agências

14 de novembro de 2022, 06h00

Diversas autoridades brasileiras e mais de 260 empresários estarão em Nova York no Lide Brazil Conference para o primeiro evento pós-eleição que reúne grandes nomes da política e da economia brasileira. O debate desta edição é o respeito à liberdade e à democracia, e a economia do Brasil a partir de 2023. O encontro é realizado a partir desta segunda-feira, 14, e vai até terça-feira, 15. O evento é organizado pelo Lide - Grupo de Líderes Empresariais, criado pelo ex-governador de São Paulo, João Doria.

O ex-presidente Michel Temer (MDB) faz a abertura do evento. Logo após, falam sobre "Brasil e o respeito à liberdade à democracia" os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes, Cármen Lúcia, Dias Toffoli, Gilmar Mendes, Luís Roberto Barroso, e Ricardo Lewandowski. Também terá a palavra Antonio Anastasia, ministro do Tribunal de Contas da União.

No segundo dia de evento, a economia se torna o tema da vez. Um dos economistas da equipe de transição do presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT) vai falar no painel sobre a economia do Brasil a partir de 2023. Pérsio Arida, que está na equipe do petista e foi um dos idealizadores do Plano Real, participa do debate ao lado de Roberto Campos Neto (presidente do Banco Central), Henrique Meirelles (ex-ministro da Fazenda e ex-presidente do BC), Isaac Sidney (presidente da Febraban), Joaquim Levy (diretor do Banco Safra e ex-ministro da Fazenda), Rodrigo Garcia (governador de São Paulo), e Rubens Ometto (presidente do Conselho de Administração da Cosan).

No último fim de semana, o vice-presidente eleito, Geraldo Alckmin, nomeou o economista Luciano Coutinho e a apresentadora Bela Gil para integrarem a equipe de transição do governo Lula. Coutinho, ex-presidente do Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), integrará a equipe do núcleo técnico de Indústria, Comércio e Serviço. Ele comandou o BNDES entre maio de 2007 e maio de 2016, durante os mandatos do presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva e da ex-presidente Dilma Rousseff (PT).

Entre os membros do núcleo de Indústria, Comércio e Serviço estão Germano Rigotto (ex-governador do Rio Grande do Sul), Jackson Schneider (executivo da Embraer), Rafael Luchesi (diretor-geral do Senai Nacional), Marcelo Ramos (deputado federal pelo Amazonas), André Ceciliano (presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro), Paulo Okamoto (ex-presidente do Sebrae), Tatiana Conceição Valente (especialista em economia solidária) e Paulo Feldman (professor da USP).

(Com Estadão Conteúdo)

LEIA TAMBÉM: