Delator da Andrade cita repasse a Genu, ex-assessor de Janene

A defesa de Genu informou se tratar de "fatos antigos sem novas informações"
João Cláudio Genu: o ex-assessor foi preso em maio deste ano (Divulgação / Site STF)
João Cláudio Genu: o ex-assessor foi preso em maio deste ano (Divulgação / Site STF)
E
Estadão ConteúdoPublicado em 17/11/2016 às 09:08.

São Paulo - O engenheiro Luís Mário da Costa Mattoni, um dos delatores da empreiteira Andrade Gutierrez na Operação Lava Jato, declarou que entregou R$ 150 mil em espécie a João Cláudio Genu, ex-assessor do ex-deputado José Janene (PP-PR), em um hotel em São Paulo.

Genu foi preso em maio deste ano. A defesa de Genu informou se tratar de "fatos antigos sem novas informações". As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.