A página inicial está de cara nova Experimentar close button

Culpa da inflação alta não é só dos alimentos, diz MB Associados

Economista Sérgio Vale projeta aperto monetário a partir de janeiro

São Paulo - A demanda aquecida está pressionando os preços em vários segmentos da economia e não apenas dos alimentos. É esse ponto que justifica a necessidade de alta dos juros pelo Banco Central.

A avaliação é do economista-chefe da MB Associados, Sérgio Vale, que participou nesta terça-feira (21) do programa “Momento da Economia”, na Rádio EXAME.

“A inflação de 2010 tem uma grande parcela de alimentação, mas ela não é a grande fonte de preocupação com a inflação que nós temos hoje. A alimentação tem um caráter cíclico e volátil muito grande. O grande problema atual da inflação são os outros elementos que estão subindo justamente por conta de uma demanda aquecida. É essa parte da inflação que o Banco Central tem que prestar atenção e trabalhar para conter a sua elevação.”

A MB Associados projeta, a partir de janeiro, um ciclo de aperto monetário de dois pontos percentuais. 

“Porém, a ata do Copom indicou que talvez não aconteça uma alta tão significativa. Talvez o Banco Central comece a trabalhar com um cenário em que ele tente controlar o crédito (por meio de medidas macroprudenciais) conjuntamente com as políticas de juros, mas isso a gente tem que ver nos primeiro meses da nova diretoria do Banco Central.”

Na entrevista (para ouvi-la na íntegra, basta clicar na imagem ao lado), Sérgio Vale analisa o cenário internacional e a pressão do IGP-M sobre o índice oficial de inflação.

Leia mais: Economistas renomados revelam as projeções de suas bolas de cristal para 2011

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também