Cabral tinha 3 helicópteros à disposição, diz ex-piloto

A afirmação acrescenta que o ex-governador do Rio de Janeiro usava as aeronaves com intervalos curtos para viagens dele e de seus familiares

Rio de Janeiro - O ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral (PMDB) tinha três helicópteros à sua disposição e usava as aeronaves com intervalos curtos para viagens dele e de seus familiares.

A afirmação foi feita por André Benvenuti de Moura Alcântara, que prestou serviço de piloto ao ex-governador por quatro anos na primeira gestão de Cabral.

Questionado sobre o motivo de partidas de helicópteros com diferenças de 10 ou 20 minutos, ele afirmou que algumas vezes era porque uma única aeronave não comportava todos os passageiros, e em outras ocasiões por motivos de agenda.

"Algumas vezes o governador tinha um horário, para levar os filhos era outro horário, para levar as babás era outro horário", afirmou.

Alcântara afirmou que costumava levar o governador para Mangaratiba, onde ele tem casa de veraneio, às sextas-feiras e voltava ao Rio aos domingos. Ele não soube confirmar se os voos nos fins de semana eram para fins particulares. "Durante a semana era para cumprir agenda".

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.