Bruno Covas é enterrado em Santos, em cerimônia com familiares

Prefeito de São Paulo faleceu nesta manhã de domingo em decorrência de um câncer; corpo foi velado em São Paulo na sede da prefeitura
Cortejo levando o corpo do ex-prefeito de São Paulo, Bruno Covas, passa pela avenida Paulista (Ronaldo Silva/Futura Press/Estadão Conteúdo)
Cortejo levando o corpo do ex-prefeito de São Paulo, Bruno Covas, passa pela avenida Paulista (Ronaldo Silva/Futura Press/Estadão Conteúdo)
E
Estadão Conteúdo

Publicado em 16/05/2021 às 20:05.

Última atualização em 17/05/2021 às 10:37.

O corpo do então prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), foi sepultado no início da noite deste domingo, 16 de maio, no jazigo da família no Cemitério do Paquetá, em Santos.

No mesmo cemitério foi enterrado o seu avô, o ex-governador de São Paulo e um dos fundadores do PSDB Mário Covas.

Foi uma cerimônia "curta e simples", disse o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), que participou da cerimônia ao lado da esposa, Bia Doria.

"Bruno deixa o legado de alguém compartilhador. Do ponto de vista da vida pública, deu exemplo de honestidade, decência, diálogo, a defesa da liberdade, da diversidade, o direito de todos, dos mais pobres e desvalidos", disse João Doria ao deixar a cerimônia.

O sepultamento e a cerimônia foram acompanhados apenas por familiares e amigos próximos do prefeito.