“Brasil será tomado por onda azul”, diz Aécio Neves sobre PSDB

O PSDB elegeu 788 prefeitos em primeiro turno, sendo dois em capitais. Neste domingo, são 19 tucanos na disputa em segundo turno, oito em capitais.

Presidente do PSDB, o senador Aécio Neves (MG) disse que o Brasil vai ser “tomado pela segunda onda azul”, em referência à cor do partido.

“O PSDB será o partido político que governará o maior número de brasileiros. Isso é uma resposta clara da sociedade brasileira ao papel que o PSDB vem desempenhando ao denunciar as irregularidades e irresponsabilidades do governo petista ao liderar uma agenda de reformas para o País”, disse o senador ao votar no Colégio Estadual Central, em Belo Horizonte.

A escola está ocupada por manifestantes contrários à medidas do governo de Michel Temer, mas não houve confusão durante o voto do tucano.

Aécio acompanhou o candidato do PSDB na capital mineira, João Leite, que também vota no colégio, assim como seu opositor, Alexandre Kalil (PHS).

O PSDB elegeu 788 prefeitos em primeiro turno, sendo dois em capitais. Neste domingo, são 19 tucanos na disputa em segundo turno, oito em capitais. Em 2012, o partido elegeu 695 prefeitos.

Questionado sobre 2018, Aécio disse que a disputa em Belo Horizonte não terá conexão direta com a eleição presidencial. “É preciso que, fechadas as urnas, nós nos dediquemos à agenda de reformas, agenda que vai gerar novos empregos, essa é a questão central”, disse.

Empate técnico

Pesquisas Ibope e Datafolha divulgadas neste sábado (29) apontam que a disputa está indefinida, com o candidato Alexandre Kalil numericamente à frente de João Leite, mas empatados tecnicamente no limite da margem de erro. No primeiro turno Leite terminou na frente, com 33,4% dos votos. Já Kalil teve 26,6%.

Do total de votos válidos, Kalil tem 53% das intenções de voto, contra 47% de João Leite, de acordo com pesquisa Ibope. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos.

Segundo sondagem do Datafolha, Kalil tem 52% das intenções de votos válidos e Leite, 48%. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

 

 

Suporte a Exame, por favor desabilite seu Adblock.