Belo Horizonte decreta lockdown a partir de segunda-feira

Alexandre Kalil disse, nas redes sociais, que a cidade chegou “ao limite da covid-19” e que editará um decreto fechando todos os serviços não essenciais

A cidade de Belo Horizonte entrará em regime de lockdown (bloqueio total) a partir de segunda-feira, 11. O anúncio foi feito pelo prefeito Alexandre Kalil em redes sociais.

Kalil disse que a capital mineira chegou “ao limite da covid-19” e que, após uma reunião de governo, foi orientado a tomar a decisão de editar um decreto fechando todos os serviços não essenciais da cidade. “Sexta-feira, [8] o decreto vai ser publicado, e segunda-feira a cidade está fechada”, informou o prefeito.

“Chegamos no vermelho. O comerciante tem de se preparar, porque sexta-feira estaremos soltando um decreto voltando a cidade à estaca zero. São números impressionantes, houve uma importação de doença surpreendente. Temos casos de famílias inteiras, que passaram o Natal juntos, infectados e internados”, acrescentou.

De acordo com Kalil, os únicos locais não essenciais ainda em funcionamento serão as praças públicas e o zoológico, que terá visitas agendadas. “Me desculpem, mas governar não é agradar. Tivemos uma longa reunião hoje, fui orientado. Com exceção das praças públicas e do zoológico agendado, [a cidade] estará com serviços essenciais abertos e todo o resto fechado”, finalizou Kalil, em vídeo.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.