• AALR3 R$ 20,01 -0.30
  • AAPL34 R$ 70,99 3.76
  • ABCB4 R$ 16,93 1.62
  • ABEV3 R$ 14,23 0.14
  • AERI3 R$ 3,76 -0.53
  • AESB3 R$ 10,81 -1.01
  • AGRO3 R$ 31,09 -1.11
  • ALPA4 R$ 22,80 2.84
  • ALSO3 R$ 19,15 1.59
  • ALUP11 R$ 26,48 -0.08
  • AMAR3 R$ 2,52 -2.70
  • AMBP3 R$ 31,84 -1.58
  • AMER3 R$ 21,57 0.33
  • AMZO34 R$ 3,52 4.14
  • ANIM3 R$ 5,51 -0.72
  • ARZZ3 R$ 83,00 2.13
  • ASAI3 R$ 15,78 -1.93
  • AZUL4 R$ 20,92 -0.14
  • B3SA3 R$ 12,68 2.18
  • BBAS3 R$ 37,07 -1.04
  • AALR3 R$ 20,01 -0.30
  • AAPL34 R$ 70,99 3.76
  • ABCB4 R$ 16,93 1.62
  • ABEV3 R$ 14,23 0.14
  • AERI3 R$ 3,76 -0.53
  • AESB3 R$ 10,81 -1.01
  • AGRO3 R$ 31,09 -1.11
  • ALPA4 R$ 22,80 2.84
  • ALSO3 R$ 19,15 1.59
  • ALUP11 R$ 26,48 -0.08
  • AMAR3 R$ 2,52 -2.70
  • AMBP3 R$ 31,84 -1.58
  • AMER3 R$ 21,57 0.33
  • AMZO34 R$ 3,52 4.14
  • ANIM3 R$ 5,51 -0.72
  • ARZZ3 R$ 83,00 2.13
  • ASAI3 R$ 15,78 -1.93
  • AZUL4 R$ 20,92 -0.14
  • B3SA3 R$ 12,68 2.18
  • BBAS3 R$ 37,07 -1.04
Abra sua conta no BTG

Curtas – uma seleção do mais importante no Brasil e no mundo

ÀS SETE - Ex-jogador de futebol George Weah tomou posse como presidente da Libéria nesta segunda-feira
Libéria: posse de Weah marca a primeira transição de poder entre dois presidentes democraticamente eleitos no país em mais de 40 anos
Libéria: posse de Weah marca a primeira transição de poder entre dois presidentes democraticamente eleitos no país em mais de 40 anos
Por EXAME HojePublicado em 23/01/2018 07:02 | Última atualização em 23/01/2018 07:35Tempo de Leitura: 8 min de leitura

Previdência tem rombo recorde

A Previdência Social fechou 2017 com rombo recorde de 268,799 bilhões de reais em 2017, alta de 18,5% sobre o ano anterior, reflexo do aumento das despesas com o envelhecimento da população, divulgou a Secretaria da Previdência do Ministério da Fazenda nesta segunda-feira. No Regime Geral da Previdência Social, que engloba os trabalhadores da iniciativa privada, o déficit foi de 182,450 bilhões de reais no ano passado, elevação de 21,8% sobre 2016. Já no Regime Próprio de Previdência Social, com servidores civis e militares da União, o déficit foi de 86,349 bilhões de reais, avanço de 11,9% na mesma base de comparação.

Às Sete – um guia rápido para começar seu dia

Leia também estas outras notícias da seção Às Sete e comece o dia bem informado:

Avião de Teori não sofreu pane

A Força Aérea Brasileira (FAB) divulgou hoje um relatório informando que não houve pane ou mau funcionamento no avião que caiu com o ministro Teori Zavascki. O acidente aconteceu em janeiro do ano passado e vitimou o ministro e outras quatro pessoas. De acordo com a FAB, o piloto do avião, Osmar Rodrigues, “muito provavelmente, teve uma desorientação espacial que acarretou na perda de controle da aeronave”. Não foi constatado nenhum problema médico com Rodrigues. Ele tentou pousar duas vezes na pista de Paraty, no litoral do Rio de Janeiro, mas não conseguiu. A FAB ainda esclareceu que não há indícios de sabotagem ou qualquer causa externa para o acidente.

Algemas demais

O juiz federal Sergio Moro intimou a Polícia Federal a explicar as razões pelas quais utilizou algemas nas mãos e nos pés do ex-governador Sérgio Cabral (PMDB) durante a sua transferência do Rio de Janeiro para Curitiba na sexta-feira 19. Em despacho na tarde desta segunda-feira, o magistrado citou a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal (STF) que proíbe o uso do equipamento nos casos em que não há risco para o agente policial ou de fuga. A juíza Caroline Figueiredo, da 7ª Vara Federal do Rio, também enviou ofício à PF nesta segunda questionando o procedimento, conforme revelou a coluna Radar, da revista VEJA.

Planalto vai insistir em Cristiane

O ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, afirmou nesta segunda-feira que o governo “vai prosseguir na disputa judicial” para que a deputada federal Cristiane Brasil (PTB-RJ) tome posse no Ministério do Trabalho. A declaração foi dada em resposta à decisão da presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Cármen Lúcia, que barrou a posse da deputada. “O governo tem absoluta convicção de que o direito está a seu favor, o que lhe faz prosseguir na disputa judicial”, disse em entrevista à revista VEJA. Cristiane tem sido impedida de assumir o cargo desde o dia 8 de janeiro, quando uma decisão de primeira instância da Justiça Federal de Niterói (RJ) suspendeu sua posse, prevista para o dia seguinte, porque ela havia sido condenada em processo trabalhista por desrespeitar os direitos de um motorista, que alegou trabalhar para ela até 15 horas por dia sem registro em carteira.

Embraer esfria com Boeing

A fabricante de aviões Embraer informou em nota que não há garantia de que os negócios com a americana Boeing venham a se concretizar e “tampouco é possível definir estrutura ou desenho” que possam ser adotados. Recentemente, notícias sobre as conversas entre as duas companhias diziam que estaria sendo discutido um novo modelo de negócios. O interesse da Boeing na Embraer foi veiculado no final do ano passado e, desde então, as empresas têm desenvolvido entendimentos preliminares na busca por uma estrutura de combinação de negócios que atenda ao interesse de ambas e de seus acionistas, “respeitadas, no caso específico da Embraer, as restrições legais e estatutárias, bem como o interesse da segurança nacional”. O governo detém uma golden share na Embraer e já afirmou que a venda total da empresa está descartada. No Ibovespa, as ações da Embraer caíram 0,51%.

_

Nova leniência?

O grupo J&F discute uma repactuação dos termos do acordo de leniência em que os irmãos Joesley e Wesley Batista, principais acionistas e executivos do grupo, podem confessar terem cometido o crime de uso indevido de informações privilegiadas para obtenção de lucros no mercado financeiro, conhecido como insider trading. A informação foi dada à agência Reuters por uma fonte do Ministério Público. O acordo de leniência do grupo, fechado no final de maio do ano passado, prevê o pagamento de uma multa recorde no valor de 10,3 bilhões de reais durante 25 anos por atos praticados por empresas controladas pela holding. Executivos da J&F, que controla o frigorífico JBS, também firmaram delações premiadas um pouco antes e, ao implicar diretamente o presidente Michel Temer e uma série de políticos da base aliada, geraram a maior crise política do atual governo. No Ibovespa, as ações da JBS subiram 0,52%.

_

Nubank autorizado

O presidente Michel Temer autorizou a fintech Nubank a ter uma operação bancária, dando mais autonomia à empresa, conhecida por sua operação de cartões de crédito, que já conta com mais de 3 milhões de emissões desde o início da atividade em 2014. “É do interesse do governo brasileiro a participação estrangeira de até 100% no capital da instituição financeira a ser constituída pela Nu Holdings”, afirma o decreto publicado em Diário Oficial nesta segunda-feira. Embora seja uma empresa brasileira, o Nubank é controlado por uma holding com sede nas Ilhas Cayman. Na prática, a decisão significa que a startup não mais precisará de parcerias com bancos no país para montar toda a estrutura de captação de recursos e oferta de crédito. A aprovação, pedida pelo Nubank há cerca de dois anos, é necessária porque, segundo a legislação brasileira, uma instituição com capital estrangeiro depende de um decreto presidencial, processo que pode levar vários anos.

Novo aporte na Cabify

A Maxi Mobility, controladora dos aplicativos de transporte Cabify e Easy, anunciou nesta segunda-feira uma nova rodada de investimentos de 160 milhões de dólares para expandir as operações em 14 países da América Latina e Península Ibérica. O aporte no grupo, que opera plataformas de mobilidade em mais de 130 cidades, será feito por Rakuten Capital, TheVentureCity, Endeavor Catalyst, GAT Investments, Liil Ventures, WTI, além de investidores locais da Espanha e da América Latina.

“Estamos entusiasmados com o novo grupo de investidores e por continuar a fortalecer nosso relacionamento com a Rakuten Capital”, disse Juan de Antonio, presidente da Maxi Mobility, em nota.

_

FMI: estimativa brasileira cresce

O Fundo Monetário Internacional estima que a economia brasileira tenha crescido 1,1% em 2017, segundo a atualização de seu relatório divulgada nesta segunda-feira. A previsão está acima do 0,7% informado na última atualização, em outubro. Para 2018, a projeção também cresceu, de 1,5% para 1,9%. O FMI afirma que “a recuperação econômica mais firme” do Brasil favorece o desempenho da América Latina como um todo. O avanço brasileiro está diretamente relacionado ao crescimento da economia mundial, que deve subir 3,8% em 2018, segundo o FMI.

_

Sem shutdown

Com o governo paralisado desde o último sábado, o Senado dos Estados Unidos chegou a um acordo nesta segunda-feira para uma lei orçamentária provisória. O acordo permite o retorno das atividades por ora, mas um texto definitivo ainda precisa ser aprovado. O shutdown aconteceu por causa da recusa dos democratas, partido de oposição, em aprovar um orçamento em que o presidente Donald Trump pede aumento dos gastos militares e dinheiro para a construção de um muro com o México. Em contrapartida, o acordo de hoje só aconteceu após os republicanos aceitarem negociar uma nova lei de imigração.

_

“Rei George” eleito na Libéria

O ex-jogador de futebol George Weah tomou posse como presidente da Libéria nesta segunda-feira. Weah substituiu a então presidente Ellen Johnson-Sirleaf, ex-Nobel da Paz, no que marca a primeira transição de poder entre dois presidentes democraticamente eleitos na Libéria em mais de 40 anos. Considerado o melhor jogador africano da história, Weah, de 51 anos, já fez parte de times internacionais, como Milan, Chelsea e Paris Saint-Germain, e é senador na Libéria desde 2015. No país, ele é conhecido como “Rei George” e é popular entre os jovens.

_

Puigdemont livre para voar

A Suprema Corte espanhola rejeitou um pedido para reativar uma ordem internacional de prisão contra Carles Puigdemont, ex-presidente da Catalunha. O pedido veio após Puigdemont sair da Bélgica, onde estava exilado, rumo à Dinamarca, onde realizou uma palestra. Puigdemont tem uma ordem de prisão na Espanha por rebelião. O ministro das Relações Exteriores espanhol, Alfonso Dastis, disse concordar com a decisão: “Puigdemont está sujeito a um processo na Espanha. Fora dela, por ora, seus movimentos são livres dentro da União Europeia”.