Após SP e Rio, Florianópolis também cancela festa de Réveillon

De acordo com a prefeitura, a decisão foi tomada para não gerar aglomerações. A realização do Carnaval em 2021 ainda não está confirmada

Seguindo as capitais das maiores festas de Ano Novo do país, Florianópolis decidiu, nesta segunda-feira, 19, cancelar a festa de Réveillon na passagem de 2020 para 2021. A tradicional queima de fogos é realizada no cartão postal da cidade, a ponte Hercílio Luz, e reúne milhares de pessoas da Avenida Beira-mar Norte.

Segundo o secretário de Turismo Tecnologia e Desenvolvimento Econômico da capital catarinense, Juliano Richter Pires, os cerca de 1,4 milhão de reais que são usados na realização da festa serão destinados a outros projetos que estimulem o emprego no setor de turismo.

“Não foi uma decisão fácil. Já vínhamos nessa avaliação desde maio para saber se era viável ou não a realização da festa. E para sermos coerentes com tudo o que fizemos de controle da pandemia de covid-19 até agora, decidimos por cancelar o evento. A prefeitura precisa dar o exemplo. Acreditamos que o fato de não ter o Réveillon, não afeta a escolha do turista para passar a data em Floripa”, disse o secretário Pires em entrevista à EXAME.

Ainda de acordo com o secretário, a prefeitura ainda não decidiu se vai adiar ou cancelar o Carnaval de 2021. “Ainda vamos esperar mais 30 a 40 dias para definirmos sobre como será o Carnaval no ano que vem”, disse.

A capital catarinense foi uma das que mais demorou para registrar os primeiros casos de covid-19. Em junho a cidade chegou a ficar um mês sem ter uma morte em decorrência do coronavírus. Atualmente Florianópolis tem 15.875 casos confirmados e 142 mortes causadas pela doença, de acordo com dados da Secretaria Municipal da Saúde.

SP e Rio cancelaram festas

Em julho, o prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), decidiu cancelar a festa de Réveillon de 2020 para 2021 realizada na Avenida Paulista. O evento acontece desde 1996 na famoso ponto turístico da capital. Também foram cancelados outros eventos, como a Parada do Orgulho LGBT+ e a Marcha para Jesus. A Corrida de São Silvestre foi transferida para julho de 2021.

Poucos dias depois da capital paulista cancelar a festa de Ano Novo, a cidade do Rio de Janeiro tomou a mesma decisão e suspendeu a festa na virada de 2020 para 2021 na praia de Copacabana.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 9,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.
Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.