Brasil

59% são contra e 37% a favor da renúncia de Bolsonaro em meio à pandemia

Levantamento do Datafolha mostra que apenas 33% enxergam gestão do governo diante da crise do coronavírus como positiva

Governo Bolsonaro: 59% dos brasileiros são contra renúncia (Ueslei Marcelino/Reuters)

Governo Bolsonaro: 59% dos brasileiros são contra renúncia (Ueslei Marcelino/Reuters)

Guilherme Dearo

Guilherme Dearo

Publicado em 5 de abril de 2020 às 09h45.

Última atualização em 5 de abril de 2020 às 09h59.

Um levantamento do Datafolha, divulgado neste domingo, 5, mostra que 59% dos brasileiros são contra uma renúncia do presidente Jair Bolsonaro em meio ao combate à pandemia pela covid-19. Outros 37% são a favor, conforme vem sendo pedido por políticos da oposição. Outros 4% não sabem dizer.

Para apenas 33% dos entrevistados, a gestão da crise sanitária é avaliada de forma positiva (boa ou ótima). Apesar de a minoria dos respondentes ter essa avaliação, a maioria acredita que o presidente tem condições de seguir liderando o País. Segundo o levantamento, 52% dos brasileiros entendem que Bolsonaro continua com capacidade de governar; 44% disseram que não e 4% afirmaram que não sabem. Nessa questão, a avaliação positiva é maior que a média entre empresários (65%) e entre moradores da região Sul (62%).

A pesquisa trouxe que a renúncia de Bolsonaro tem maior apoio entre os jovens (44%), mulheres (42%), os que têm até o ensino fundamental (40%) e também para quem tem renda acima de 10 salários mínimos (39%)

O Datafolha ouviu 1.511 pessoas por telefone entre os dias 1 e 3 de abril. A margem de erro é de três pontos porcentuais para mais ou para menos.

Acompanhe tudo sobre:CoronavírusDatafolhaGoverno Bolsonaro

Mais de Brasil

FGTS pode ser descontado do salário?

Quem tem direito ao FGTS?

Como tirar a carteira de trabalho pela primeira vez

Quais os direitos de quem tem o Cadastro Único?

Mais na Exame