Sua empresa cria felicidade verdadeira?

Não tem utopia e nem fórmula mágica. Criar felicidade é um chamado para uma mudança de perspectiva sobre a empresa e os negócios.

Indo direto ao ponto, sua empresa cria felicidade verdadeira?

Talvez você não saiba como responder esta pergunta. ”Me pegou de surpresa. Nunca pensei sobre isso. Criar felicidade para quem?”, podem ser suas respostas iniciais. Pode ser também que a sua primeira reação seja pensar se a sua empresa cria felicidade em você mesmo, seja você um empregado ou em empreendedor/empresário.

Espero que este primeiro parágrafo tenha gerado algum incômodo. Falo assim, porque vejo o incômodo como algo motivador, que pode nos fazer tomar atitudes, abrir a mente, mudar as perspectivas sobre determinado assunto, ou simplesmente olhar além da ponta do nosso nariz.

Não fiz nenhuma pesquisa, mas arrisco dizer aqui que as empresas criam pouca felicidade em todos os seus níveis de relacionamento – empresários/acionistas, alta direção, colaboradores, clientes, fornecedores, distribuidores e sociedade em geral. Ou quando criam, a felicidade de um público acaba sendo gerada muitas vezes a partir da tristeza de outro.

Para mim, criar felicidade é uma escolha, simples assim. Mas é impossível agradar a todos, você pode imaginar. Sim, eu sei que a felicidade pode ser uma sensação subjetiva muitas vezes, mas quando uma empresa escolhe que ela quer criar felicidade para todos os seus públicos, então esta escolha deve virar um “valor corporativo” de tal maneira que irá dirigir todas as atitudes dela, inclusive para reverter situações onde ela certamente irá aborrecer um cliente ou colaborador, por exemplo.

Não se engane, não tem utopia e nem fórmula mágica aqui, mas sim um chamado para uma mudança de perspectiva, uma abertura para um aprendizado diário e prático sobre relacionamento e uma busca de um sentido maior para aquilo que nós fazemos todos os dias em nossas empresas. E este sentido maior se chama Propósito.

E como disse acima, não tem utopia porque o Propósito de uma empresa ou pessoa pode ser mais tangível do que muitos imaginam.

Como? Sugiro ler também estes outros artigos que já publiquei nesta coluna:

 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também