União perdeu R$ 41 bi com Petrobras após greve e saída de Parente

O país é dono de 3,7 bilhões de ações ordinárias da petroleira; entre os investidores privados, quem sofreu mais foi a gestora BlackRock

O governo Michel Temer estimou em 9,6 bilhões de reais os gastos com a subvenção dada para a redução dos preços do diesel, mas faltou computar o prejuízo com a queda das ações da Petrobras. Dona de 3,7 bilhões de ações ordinárias da petroleira, a União perdeu 41 bilhões de reais com a desvalorização dos papéis entre o início da paralisação e o anúncio da saída do presidente da companhia, Pedro Parente, segundo o levantamento de EXAME.

O Banco de Desenvolvimento Econômico e Social perdeu cerca de 20 bilhões de reais, enquanto a Caixa Econômica Federal perdeu 3,26 bilhões de reais. Entre os investidores privados, quem sofreu o maior golpe foi a gestora de recursos americana BlackRock, que viu seu ativo encolher 2,67 bilhões de reais em duas semanas.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.