Mercado Livre vai testar embalagem biodegradável para entregas

O plano varejista eletrônico é, aos poucos, substituir todas as embalagens por opções mais sustentáveis

O varejista eletrônico Mercado Livre vai testar, de outubro ao fim do ano, uma embalagem feita de plástico biodegradável para suas entregas. O plano é usar 4 milhões de embalagens feitas de celulose e de óleo vegetal para as entregas no Brasil e na Argentina fabricadas diretamente pela empresa (90% dos despachos vão direto do vendedor para o comprador). As embalagens custam 60% mais do que as de plástico tradicional. O plano do Mercado Livre é, aos poucos, substituir todas as embalagens por opções mais sustentáveis.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também