Conjunto de reclamações curiosa chama a atenção da ANS

A reguladora chegou a discutir entrar com a operação de fiscalização Olho Vivo na operadora Prevent Senior, com base em “denúncias”

Não é de hoje que os planos de saúde criam dificuldade na contratação ou cobram custos exorbitantes para o público da terceira idade, tentando evitar muitos exames e consultas desses pacientes. Por isso, um conjunto de reclamações chamou a atenção do conselho da Agência Nacional de Saúde (ANS). A reguladora chegou a discutir entrar com a operação de fiscalização Olho Vivo na operadora Prevent Senior, com base em “denúncias” de que ela se recusava a aceitar novos clientes que tivessem menos de 47 anos.

A operadora tem um modelo de negócios que foca o público idoso, com acompanhamento preventivo programado pela empresa.

Procurada, a ANS diz que não há processo fiscalizatório em curso, mas que as operadoras não podem recusar beneficiários em razão da idade. Nega ainda que o tema tenha sido debatido em reuniões e diz que fiscalizações não são feitas atualmente no âmbito do programa Olho Vivo, que foi revogado.

A Prevent Senior nega a informação e diz que tem beneficiários de diversas faixas etárias. A empresa ressalta ainda que segue as regras estabelecidas pela ANS.

 

 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também