Arroz com feijão: vendas de 2019 da Giraffas poderiam alimentar MG

O faturamento no ano passado foi de 745 milhões de reais e apenas em janeiro deste ano, a rede faturou 70 milhões de reais, crescimento de 7%

A rede de restaurantes Giraffas poderia alimentar o estado de Minas Gerais com os pratos prontos vendidos no ano passado. Foram 20 milhões de pratos de arroz e feijão no ano – o estado tem 21 milhões de habitantes. Foram comercializadas três mil toneladas de arroz e 2,5 mil de feijão. 

O faturamento no ano passado foi de 745 milhões de reais. Apenas em janeiro deste ano, a marca faturou 70 milhões de reais, crescimento de 7% em relação ao mesmo mês no ano passado.

Em 2020, a previsão é de abrir 40 novos restaurantes e crescer cerca de 8%. Até agora, já foram cinco inaugurações. Com 39 anos, o Giraffas tem mais de 400 unidades em 25 estados brasileiros.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.