A febre do coworking no Brasil em números

Áreas de trabalho compartilhadas deram um salto nos últimos 30 meses em São Paulo e no Rio de Janeiro

Um levantamento da consultoria especializada em imóveis Colliers mostra que, nos últimos 30 meses, as áreas locadas para espaços de trabalho compartilhados, os coworkings, cresceram 348% em São Paulo e 342% no Rio de Janeiro. Na capital paulista, a área total ocupada pelas duas maiores empresas do segmento, Regus e WeWork, passou de 32.000 para 112.000 metros quadrados entre 2016 e 2018; no Rio, o avanço da área foi de 13.000 para 45.000 metros quadrados. A WeWork tem dez endereços em São Paulo e quatro no Rio de Janeiro; a Regus tem 29 espaços em São Paulo e 20 na capital fluminense.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.