A partir de 2022 tênis da Olympikus serão feitos com 100% de energia limpa

Marca estimula corrida por equipes para enfatizar a necessidade de ação conjunta para frear a mudança no clima

A Olympikus retomou no último domingo (12) o projeto Bota pra Correr, que possibilita aos participantes conhecerem o Brasil correndo. A prova foi disputada por seis equipes de seis participantes cada, em um total de 16km, com percurso nas dependências do Complexo Eólico Rio do Vento (RN). A corrida por equipes conversa a mensagem que a Olympikus quer passar: a de que todos precisam fazer a sua parte na luta contra o aquecimento global.

 

 (Olympikus/Divulgação)

A partir de 2022, a Vulcabras, gestora de marcas e artigos esportivos, passará a utilizar energia limpa na fabricação de 100% dos tênis da Olympikus. “Nosso planeta não pode mais esperar, e todos temos nossa parcela de responsabilidade contra o aquecimento global. A Olympikus, como maior marca esportiva do Brasil, tem noção da importância que possui para mostrar caminhos junto à comunidade da corrida. E queremos ser protagonistas do mercado com a fabricação de tênis com energia 100% limpa, um compromisso que assumimos com muita dedicação”, afirma Márcio Callage, diretor de marketing da Olympikus.

 

Para viabilização da iniciativa, um contrato de R$ 150 milhões foi firmado com a Casa dos Ventos, para que todas as fábricas sejam abastecidas através do Parque Rio do Vento, um dos maiores parques eólicos em operação no Brasil e no mundo. O acordo prevê o fornecimento de energia limpa pelo período mínimo de 13 anos. A empresa fornecerá a totalidade do consumo da Vulcabras, equivalente à 7 megawatts (MW) médio, e que nesse novo perfil de fornecimento evita o lançamento de 15 mil toneladas de CO2 anualmente na atmosfera, o equivalente ao plantio de 67 mil árvores.

 

Para solidificar as iniciativas de responsabilidade social e amplificar as ações de sustentabilidade ambiental da Vulcabras, a Olympikus também lançou o tênis Corre1 Eco, produzido com componentes reciclados, em versão limitada. Produzido com componentes naturais renováveis, o Corre1 Eco conta com materiais como o EVA Verde, que é produzido a partir da cana de açúcar e está presente na sola e na palmilha do calçado. A cada par produzido do modelo, 10 garrafas plásticas são recicladas. “Mais do que produtos, as pessoas procuram histórias e significados para as suas vidas. A partir deste movimento temos certeza que estaremos dando mais motivos para as pessoas escolherem um Olympikus”, finalizou Márcio Callage, diretor de marketing da Olympikus, em conversa exclusiva com o Esporte Executivo.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também